Deputado Gonzaga Patriota critica mais uma vez a reforma da Previdência

Share this...
Share on Facebook
Facebook
0

Gonzaga PatriotaDurante pronunciamentos nas sessões plenárias de antes de ontem, dia 08 de e ontem, quinta-feira, o deputado federal Gonzaga Patriota criticou mais uma vez a proposta de Reforma da Previdência, elaborada pelo governo do presidente Michel Temer.

“Trata-se de uma reforma importante, mas não da maneira que está. Está muito dura, assim ninguém agüenta. Faço parte da base, mas obviamente votarei contra, como votei contra o teto dos gastos públicos [PEC 55]. Não foram os pobres e os trabalhadores que desgraçaram esse país, portanto não podem pagar a conta”, afirmou.

Na tarde desta quinta-feira (09) foi instalada na Câmara dos Deputados a comissão especial que tratará dos detalhes da matéria. Carlo Marun (PMDB-MS) foi eleito presidente e Arthur Oliveira Maia (PPS-BA) é o relator. Segundo a assessoria de Gonzaga, a primeira reunião para apresentação do plano de trabalho será na próxima terça-feira, dia 14.

Pela proposta de Reforma da Previdência, a idade mínima para se aposentar passa a ser de 65 anos para homens e mulheres e o tempo mínimo de contribuição sobe de 15 para 25 anos.

Da redação do BLOG do Emanoel Cordeiro/Alvinho Patriota