AGENTES DE SAÚDE DE OURICURI REIVINDICAM DA GESTÃO REAJUSTE SALARIAL PARA CATEGORIA

Share this...
Share on Facebook
Facebook
0

Após participar do programa jornalístico Tribuna Livre da rádio Grande Serra FM, comentando o reajuste dos servidores municipais,  a presidente do ACSs – Agentes Comunitários de Saúde de Ouricuri, ROMÉRIA RODRIGUES, mostra que sua categoria não foi beneficiada.

Em artigo enviado à nossa redação, ela expõe seu ponto de vista sobre a proposta do município não contempla a classe de agentes de saúde e endemias. Confira o artigo enviado:

“[14:18, 18/4/2019] ROMÉRIA PRESID ACS: Agentes de saúde de Ouricuri reivindica da gestão o reajuste salarial pra categoria. Pois os mesmos si sentem indignado com a exclusão da categoria não são reconhecidos como servidor público do município de Ouricuri. Vamos a luta más não abrimos mão reajuste já de 2% independente do limite pessoal baixar ou não. Assim fica garantido a categoria já sofre com a perda do reajuste de 1.81% de 2018 sendo que foi aprovado e sancionado mas não foi incluído em janeiro quando foi fixado o piso. portanto não podemos aceitar essa situação desastrosa com os profissionais que são muito importantes onde o dinheiro da saúde que entra no cofre público através da produção dos ACS, somos nós que damos sustentação a verba que entra da saúde no município e porque o município de Ouricuri não reconhece essa categoria negando um pequeno reajuste de 22 reais pra cada profissional, sem falar que já tem um ano que os mesmos vem cobrando materiais de trabalho e qualidade na saúde pública atenção também a assistência a população que precisa do SUS.

A presidente continua no artigo denunciando que os profissionais ainda não tiveram acesso aos materiais e cotas de exames precários e a farmácia básica do município faltando medicamentos.

Com a palavra a autoridade ou órgão competente para que possa se pronunciar sobre o assunto. Espaço aberto.

Da redação do BLOG do Emanoel Cordeiro – Radar de Notícias