ASSASSINO DA EX COMPANHEIRA AS TIROS EM IPUBI SE ENTREGA A POLÍCIA

Share this...
Share on Facebook
Facebook
0

Na manhã da última terça-feira, dia 28 de julho, Investigadores da 24ª Delegacia de Polícia de Homicídios, comandados pelo Delegado Titular, Dr. George Saraiva, e todos sob a coordenação da Delegada Seccional, Dra. Katyanna Muniz, deram cumprimento à Decisão Judicial, com força de mandado de prisão, expedido pelo Juiz de direito plantonista da Vara Criminal da Comarca de Ouricuri-PE.

A prisão preventiva foi decretada por representação da Autoridade Policial (RT 619/386-7) e teve como destinatário o nacional de iniciais F. C. D. L. P. ,o qual, neste caso, fora indiciado por homicídio qualificado consumado contra a ex companheiro ZAIRA MARIA. 

Segundo testemunhas, o acusado em companhia de um comparsa e na garupa de uma moto, se deslocou até a casa onde a vítima se encontrava, na Rua Osvaldo Cruz, no Centro de Ipubi, onde a mesma estava na calçada conversando, e ao avistar a aproximação rápida do seu ex-companheiro, colocou seu filho nos braços e tentou adentrar à residência de sua mãe.

Mas segundo a polícia não deu tempo, pois o acusado em continuidade ao seu intento criminoso impediu a tentativa da vítima de ocultar-se de suas ações trazendo-a para fora de sua residência.

Diante daquela ação e da discussão, entre vítima e autor, uma testemunha ocular fez a seguinte pergunta: O que está acontecendo aqui? Vendo a situação agravar-se ainda mais, a testemunha retirou a criança dos braços da vítima a adentrou a sua casa, momento este em que o acusado sacou de uma arma de fogo, derrubou a vítima no chão e de forma brutal, efetuou vários disparos contra ela, os quais a levaram a óbito no local. Veja matéria AQUIApós o crime o acusado se evadiu tomando destino ignorado, deixando para trás um rastro de crueldade e pânico na pacata cidade de Ipubi. Fatos narrados pela testemunha ocular e constados BO Nº 20E0294000526.

O acusado, antes de ontem, terça-feira, dia 28, representado pelos seus advogados e após diálogos entre a Autoridade Policial e aqueles, se apresentou na 24ª Delegacia de Polícia de Homicídios, onde foi de pronto lhe dado vós de prisão e exposto todos os direitos constitucionais que a ele são alcançados.

Assim, após os procedimentos legais e cabíveis, o acusado foi recolhido na Cadeia Pública à disposição da justiça Pernambucana.

Da redação do BLOG do Emanoel Cordeiro – Radar de Notícias/POLICIA CIVIL – Dinter II – 24° DESEC – 24° Delegacia de Polícia de Homicídios/Imagem: Fresdon Paiva

ADVERTENCIA

anuncie