DIVULGADO O NOVO SALÁRIO MÍNIMO PARA 2020

O presidente Jair Bolsonaro autorizou nesta terça-feira (14) o reajuste do salário mínimo de 2020 de R$ 1.039 para R$ 1.045, com ganho real. O novo valor estará válido a partir de 1º de fevereiro.

A medida visa garantir que o reajuste não seja inferior à inflação pelo Índice Nacional de Preços ao Consumidor (INPC), que fechou 2019 em 4,48%. Por lei, esse é o índice usado para o reajuste do salário mínimo, embora a inflação oficial seja medida pelo Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA), que fechou o ano de 2019 em 4,31%.

Quando fixou o salário mínimo em R$ 1.039, o governo previa inflação mais baixa, mas, em dezembro, o aumento nos preços das carnes levou o valor para cima. Com isso, o mínimo de janeiro não teve ganho real em relação ao de 2019.

O valor do salário mínimo serve de referência para 49 milhões de brasileiros, segundo o Dieese. Segundo o governo, cada real a mais de reajuste impacta o orçamento federal em R$ 300 milhões.

O ministro da Economia, Paulo Guedes, disse na coletiva que o governo vai ter de “achar recursos” para o aumento do mínimo.

Da redação do BLOG do Emanoel Cordeiro – Radar de Notícias/Didi Galvão

PAGAMENTO DO BOLSA FAMÍLIA COMEÇA NO PRÓXIMO DIA 20

Começa no dia 20 de janeiro o pagamento do Bolsa Família para 2020. Nesse mês, serão beneficiadas as famílias com final 1 no Número de Identificação Social (NIS). O número vem impresso no cartão do programa.

As famílias com cartão de final 2 podem sacar o benefício no dia 21, e assim por diante, até chegar no dia 31 de janeiro. Em fevereiro, os pagamentos serão feitos no dia 12 e seguem até 28. O calendário com as demais datas está disponível nos sites do Ministério da Cidadania e da Caixa Econômica Federal.

Foto: Ministério da Cidadania

Criado em 2003, o Bolsa Família atende famílias em situação de extrema pobreza, com renda mensal de até R$ 89 por pessoa, e famílias em situação de pobreza, se tiverem renda mensal, por pessoa, entre R$ 89,01 e R$ 178,00. Nesse último caso, recebem o Bolsa Família as famílias com gestantes e crianças e adolescentes até 17 anos.

Segundo dados da Caixa, mais de 13 milhões de famílias foram atendidas em dezembro, com montante de R$ 2,5 bilhões. Pela primeira vez, essas famílias tiveram 13º. A Caixa desembolsou mais R$ 2,5 bilhões com o pagamento dessa parcela.

Da redação do BLOG do Emanoel Cordeiro – Radar de Notícias/AF News/Jalila Arabi/Agência Mais Rádio

A PARTIR DE HOJE BANCOS NÃO PODERÃO COBRAR TAXAS SUPERIORES A 8% AO MÊS NO CHEQUE ESPECIAL

Modalidade de crédito com taxas que quadruplicam uma dívida em 12 meses, o cheque especial terá juros limitados a partir de hoje, dia 6 de janeiro. Os bancos não poderão cobrar taxas superiores a 8% ao mês, o equivalente a 151,8% ao ano.

A limitação dos juros do cheque especial foi decidida pelo Conselho Monetário Nacional (CMN) no fim de novembro. Os juros do cheque especial encerraram novembro em 12,4% ao mês, o que equivale a 306,6% ao ano.

Ao divulgar a medida, o Banco Central (BC) explicou que o teto de juros pretende tornar o cheque especial mais eficiente e menos regressivo (menos prejudicial para a população mais pobre). Para a autoridade monetária, as mudanças no cheque especial corrigirão falhas de mercado nessa modalidade de crédito.

Conforme o BC, a regulamentação de linhas emergenciais de crédito existe tanto em economias avançadas como em outros países emergentes. Segundo a autoridade monetária, o sistema antigo do cheque especial, com taxas livres, não favorecia a competição entre os bancos. Isso porque a modalidade é pouco sensível aos juros, sem mudar o comportamento dos clientes mesmo quando as taxas cobradas sobem.

Para financiar em parte a queda dos juros do cheque especial, o CMN autorizou as instituições financeiras a cobrar, a partir de 1º de junho, tarifa de quem tem limite do cheque especial maior que R$ 500 por mês. Equivalente a 0,25% do limite que exceder R$ 500, a tarifa será descontada do valor devido em juros do cheque especial.

Cada cliente terá, a princípio, um limite pré-aprovado de R$ 500 por mês para o cheque especial sem pagar tarifa. Se o cliente pedir mais que esse limite, a tarifa incidirá sobre o valor excedente. O CMN determinou que os bancos comuniquem a cobrança ao cliente com 30 dias de antecedência.

Da redação do BLOG do Emanoel Cordeiro – Radar de Notícias/Agência Brasil

CONFIRA QUANTO CADA MUNICÍPIO DE PERNAMBUCO RECEBEU DO DINHEIRO DO PRÉ-SAL, OURICURI RECEBEU R$1,922,272.25

O Ministério da Fazenda depositou, na virada do ano, dia 31 de dezembro na conta dos Estados e Municípios, os recursos do acordo do pré-sal, fechado no ano passado, com o aval do Congresso Nacional.

No caso de Pernambuco, já estão na conta do Governo do Estado e das prefeituras a soma de R$ 508 milhões. Os recursos foram repassados com o aval do ministro da Economia, Paulo Guedes.

Destes valores, as prefeituras  do Estado vão dividir R$ 261 milhões, enquanto o governo do Estado recebeu outros R$ 247 milhões.

A cidade de Ouricuri, administrada pelo prefeito Ricardo Ramos, teve direito a uma cota de R$ 1,922,272.25 milhões, na divisão do bolo.

Confira a relação completa das cidades e valores, por ordem alfabética, em destaque as cidades da região do Araripe e Paramirim no Sertão Cental.

Valores do pré-sal repassados aos municípios de Pernambuco
Abreu e Lima/PE 2,402,840.31
Afogados da Ingazeira/PE 1,281,514.83
Afrânio/PE 961,136.12
Agrestina/PE 1,121,325.48
Água Preta/PE 1,281,514.83
Águas Belas/PE 1,441,704.18
Alagoinha/PE 800,946.77
Aliança/PE 1,441,704.18
Altinho/PE 961,136.12
Amaraji/PE 961,136.12
Angelim/PE 640,757.42
Araçoiaba/PE 961,136.12
Araripina/PE 2,242,650.95
Arcoverde/PE 2,082,461.60
Barra de Guabiraba/PE 800,946.77
Barreiros/PE 1,601,893.54
Belém de Maria/PE 640,757.42
Belém de São Francisco/PE 961,136.12
Belo Jardim/PE 2,082,461.60
Betânia/PE 640,757.42
Bezerros/PE 1,762,082.89
Bodocó/PE 1,441,704.18
Bom Conselho/PE 1,601,893.54
Bom Jardim/PE 1,441,704.18
Bonito/PE 1,441,704.18
Brejão/PE 480,568.06
Brejinho/PE 480,568.06
Brejo da Madre de Deus/PE 1,601,893.54
Buenos Aires/PE 640,757.42
Buíque/PE 1,762,082.89
Cabo de Santo Agostinho/PE 4,988,873.63
Cabrobó/PE 1,281,514.83
Cachoeirinha/PE 961,136.12
Caetés/PE 1,121,325.48
Calçado/PE 640,757.42
Calumbi/PE 480,568.06
Camaragibe/PE 4,988,873.63
Camocim de São Félix/PE 961,136.12
Camutanga/PE 480,568.06
Canhotinho/PE 1,121,325.48
Capoeiras/PE 961,136.12
Carnaíba/PE 961,136.12
Carnaubeira da Penha/PE 640,757.42
Carpina/PE 2,242,650.95
Caruaru/PE 4,988,873.63
Casinhas/PE 800,946.77
Catende/PE 1,441,704.18
Cedro/PE 640,757.42
Chã de Alegria/PE 640,757.42
Chã Grande/PE 961,136.12
Condado/PE 1,121,325.48
Correntes/PE 961,136.12
Cortês/PE 640,757.42
Cumaru/PE 640,757.42
Cupira/PE 1,121,325.48
Custódia/PE 1,281,514.83
Dormentes/PE 961,136.12
Escada/PE 1,922,272.25
Exu/PE 1,281,514.83
Feira Nova/PE 961,136.12
Ferreiros/PE 800,946.77
Flores/PE 961,136.12
Floresta/PE 1,281,514.83
Frei Miguelinho/PE 800,946.77
Gameleira/PE 1,281,514.83
Garanhuns/PE 2,883,408.37
Glória do Goitá/PE 1,121,325.48
Goiana/PE 2,082,461.60
Granito/PE 480,568.06
Gravatá/PE 2,242,650.95
Iati/PE 961,136.12
Ibimirim/PE 1,121,325.48
Ibirajuba/PE 480,568.06
Igarassu/PE 2,723,219.02
Iguaraci/PE 640,757.42
Ilha de Itamaracá/PE 1,121,325.48
Inajá/PE 961,136.12
Ingazeira/PE 480,568.06
Ipojuca/PE 2,402,840.31
Ipubi/PE 1,121,325.48
Itacuruba/PE 480,568.06
Itaíba/PE 1,121,325.48
Itambé/PE 1,281,514.83
Itapetim/PE 800,946.77
Itapissuma/PE 1,121,325.48
Itaquitinga/PE 800,946.77
Jaboatão dos Guararapes/PE 4,988,873.63
Jaqueira/PE 640,757.42
Jataúba/PE 961,136.12
Jatobá/PE 800,946.77
João Alfredo/PE 1,281,514.83
Joaquim Nabuco/PE 800,946.77
Jucati/PE 640,757.42
Jupi/PE 800,946.77
Jurema/PE 800,946.77
Lagoa do Carro/PE 961,136.12
Lagoa do Itaenga/PE 961,136.12
Lagoa do Ouro/PE 640,757.42
Lagoa dos Gatos/PE 800,946.77
Lagoa Grande/PE 1,121,325.48
Lajedo/PE 1,441,704.18
Limoeiro/PE 1,762,082.89
Macaparana/PE 1,121,325.48
Machados/PE 800,946.77
Manari/PE 961,136.12
Maraial/PE 640,757.42
Mirandiba/PE 800,946.77
Moreilândia/PE 640,757.42
Moreno/PE 1,922,272.25
Nazaré da Mata/PE 1,281,514.83
Olinda/PE 4,988,873.63
Orobó/PE 1,121,325.48
Orocó/PE 800,946.77
Ouricuri/PE 1,922,272.25
Palmares/PE 1,922,272.25
Palmeirina/PE 480,568.06
Panelas/PE 1,121,325.48
Paranatama/PE 640,757.42
Parnamirim/PE 961,136.12
Passira/PE 1,121,325.48
Paudalho/PE 1,762,082.89
Paulista/PE 4,988,873.63
Pedra/PE 961,136.12
Pesqueira/PE 1,922,272.25
Petrolândia/PE 1,281,514.83
Petrolina/PE 4,988,873.63
Poção/PE 640,757.42
Pombos/PE 1,121,325.48
Primavera/PE 800,946.77
Quipapá/PE 1,121,325.48
Quixabá/PE 480,568.06
Recife/PE 28,722,204.57
Riacho das Almas/PE 961,136.12
Ribeirão/PE 1,601,893.54
Rio Formoso/PE 961,136.12
Sairé/PE 480,568.06
Salgadinho/PE 640,757.42
Salgueiro/PE 1,762,082.89
Saloá/PE 800,946.77
Sanharó/PE 1,121,325.48
Santa Cruz da Baixa Verde/PE 640,757.42
Santa Cruz do Capibaribe/PE 2,563,029.66
Santa Cruz/PE 800,946.77
Santa Filomena/PE 800,946.77
Santa Maria da Boa Vista/PE 1,441,704.18
Santa Maria do Cambucá/PE 800,946.77
Santa Terezinha/PE 640,757.42
São Benedito do Sul/PE 800,946.77
São Bento do Una/PE 1,762,082.89
São Caetano/PE 1,281,514.83
São João/PE 961,136.12
São Joaquim do Monte/PE 961,136.12
São José da Coroa Grande/PE 961,136.12
São José do Belmonte/PE 1,281,514.83
São José do Egito/PE 1,281,514.83
São Lourenço da Mata/PE 2,563,029.66
São Vicente Ferrer/PE 961,136.12
Serra Talhada/PE 2,242,650.95
Serrita/PE 961,136.12
Sertânia/PE 1,281,514.83
Sirinhaém/PE 1,601,893.54
Solidão/PE 480,568.06
Surubim/PE 1,922,272.25
Tabira/PE 1,121,325.48
Tacaimbó/PE 640,757.42
Tacaratu/PE 1,121,325.48
Tamandaré/PE 961,136.12
Taquaritinga do Norte/PE 1,121,325.48
Terezinha/PE 480,568.06
Terra Nova/PE 640,757.42
Timbaúba/PE 1,762,082.89
Toritama/PE 1,601,893.54
Tracunhaém/PE 800,946.77
Trindade/PE 1,121,325.48
Triunfo/PE 800,946.77
Tupanatinga/PE 1,121,325.48
Tuparetama/PE 480,568.06
Venturosa/PE 961,136.12
Verdejante/PE 480,568.06
Vertente do Lério/PE 480,568.06
Vertentes/PE 961,136.12
Vicência/PE 1,281,514.83
Vitória de Santo Antão/PE 2,883,408.37
Xexéu/PE 800,946.77

Da redação do BLOG do Emanoel Cordeiro – Radar de Notícias/O Povo com a Notícia

REFORMA ADMINISTRATIVA E PACOTE DE ESTÍMULO AO EMPREGO DEVEM FICAR PARA A PRÓXIMA SEMANA

A PEC da reforma administrativa, proposta de emenda à Constituição que remodela o serviço público de todos os entes, deverá ser entregue à Câmara dos Deputados somente na próxima semana, segundo o líder do governo no Senado, Fernando Bezerra Coelho (MDB-PE).

“Acho que vem na próxima semana. Está pronto. Está combinado com o presidente Rodrigo Maia o envio”, disse Bezerra nesta quarta-feira, dia 6 de novembro ao deixar reunião na residência oficial da presidência do Senado com senadores e o ministro da Economia, Paulo Guedes.

O presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), esperava que a proposta chegasse também na terça-feira, dia 5 de novembro, quando o Senado recebeu três PECs, mas negou qualquer estresse. A Casa também deve receber do governo um projeto de lei com um novo modelo de privatizações.

Aguardado para esta semana, o anúncio de medidas de estímulo à geração de empregos no país também deve ficar para a próxima semana. O principal item desse pacote é a redução de encargos para empresas que contratarem jovens ou pessoas acima de 55 anos de idade.

Na manhã de terça, o presidente Jair Bolsonaro (PSL) entregou ao presidente do Senado, Davi Alcolumbre (DEM-AP), três propostas de emenda à Constituição: a PEC do Pacto Federativo (para dar maior flexibilidade ao Orçamento e aumentar repasses de recursos a estados e municípios); a PEC da Emergência Fiscal (que institui gatilhos para conter gastos públicos em caso de crise orçamentária de União, estados e municípios) e a dos Fundos Públicos (que revisa 281 fundos).

O conjunto busca reduzir o tamanho do Estado e dá início à implementação do plano defendido por Guedes de a gestão das finanças públicas ter “mais Brasil, menos Brasília”.

Segundo líderes, Maia chegou a consultá-los se deveria participar do ato de entrega do pacote no Senado. A avaliação foi a de que sua ausência poderia significar um contundente rompimento.

O presidente da Câmara adotou um meio termo: recebeu Bolsonaro no Congresso, mas não ficou para a cerimônia, alegando que precisava sair para uma reunião com economistas do BID (Banco Interamericano de Desenvolvimento).

Já Davi Alcolumbre não participou do encontro que reuniu senadores e Paulo Guedes na residência oficial do Senado, apesar de o convite ter partido do comando da Casa.

Inicialmente, a assessoria de Alcolumbre informou que ele havia tido uma indisposição e que chegaria atrasado à reunião, que já havia começado com o ministro e os demais parlamentares na área social da residência.

No início da tarde, no entanto, o presidente do Senado disse que não havia integrado a conversa.

“Eu não participei. Vou conversar com eles [senadores] mais tarde. Passei a noite acordado, cuidando do meu filho”, disse Alcolumbre.

Em seguida, a assessoria do presidente do Senado divulgou uma nota sobre a ausência.

“A reunião do ministro Paulo Guedes com os senadores, na manhã desta quarta-feira (6), na residência oficial da Presidência do Senado, foi conduzida pelo vice-presidente da Casa, senador Antônio Anastasia (PSDB-MG), a pedido do senador Davi Alcolumbre, que passou a madrugada com o filho pequeno no hospital. A criança já teve alta e Davi Alcolumbre já se encontra no Senado, onde segue agenda normal de trabalho”, diz a nota.

Indagado sobre a disposição de Guedes para fazer alterações no pacote, Alcolumbre afirmou apenas que esta é uma prerrogativa do Congresso e que não precisa de qualquer autorização do Executivo para isso.

“A gente não precisa da abertura do ministro para fazer alterações na PEC. O Congresso tem autoridade e legitimidade para fazer as mudanças necessárias”, afirmou.

Mais cedo, após o encontro com senadores, Guedes disse “ministro da Economia que disser que tem algum ponto inegociável não está preparado para o exercício da democracia” e que ” ministro não tem voto. Seria uma arrogância tola dizer que tem algum ponto inegociável”.

Nesta quarta-feira, devem ser anunciados os nomes dos senadores que irão relatar as três PECs na CCJ (Comissão de Constituição e Justiça): Marcio Bittar (MDB-AC), Oriovisto Guimarães (PODE-PR) e Otto Alencar (PSD-BA). Eles integram as três maiores bancadas do Senado.

Na área trabalhista, o plano para estimular a criação de empregos ainda está em fase de discussão entre as aladas econômica e política do governo. Por isso, a proposta poderá sofrer algumas modificações até o anúncio.

O jornal Folha de S.Paulo revelou nos últimos meses detalhes do pacote em estudo pelo time do ministro Guedes.

A principal medida deve ser a isenção provisória da contribuição patronal para a Previdência. O Ministério da Economia avalia que o custo de contratação de mão de obra no país é muito elevado e, ao reduzir os encargos, mais vagas formais serão geradas.

Portanto, novos contratos podem ficar livres da cobrança de 20% sobre a folha de pagamentos paga pelas empresas. Está em avaliação também um corte no percentual que o empresário deposita mensalmente na conta do empregado no FGTS, além da redução da multa em caso de demissão sem justa causa.

Técnicos querem ainda uma reestruturação no MEI, programa para microempreendedores individuais. Atualmente, há um teto anual de R$ 81 mil de faturamento.

Diferentes faixas de renda e de contribuição podem ser criadas. A ideia é ampliar a inclusão previdenciária e formalização.

Outra medida prevê mudança numa regra da Justiça do Trabalho, onde estão parados R$ 65 bilhões na forma de depósitos recursais – valor em juízo para poder recorrer de sentença trabalhista.

Da redação do BLOG do Emanoel Cordeiro – Radar de Notícias/Via Folhapress

GUEDES DEFENDE ‘TRIBUTO SOBRE O PECADO’, PARA AUMENTAR IMPOSTO DE BEBIDA E CIGARRO

Após a previdência, a nova reforma que está na mira do Governo Federal é a tributária. O ministro da Economia, Paulo Guedes, garantiu que ela está quase pronta para ser enviada ao congresso e, segundo o economista, vai significar “uma redução e simplificação dramática dos impostos”.

Segundo o portal Metrópoles, a proposta de Guedes é unir vários tributos que existem hoje, principalmente os que incidem sobre o consumo, em um único, além de acabar com as deduções do imposto de renda para poder baixar a alíquota mais alta de 27,5% para 22%.

Nem tudo, porém, serão reduções. Em palestra no Tribunal de Contas da União (TCU) nesta quinta-feira, dia 7 de novembro, Guedes disse que estão nos planos o que ele chamou de “impostos sobre o pecado”.

Da redação do BLOG do Emanoel Cordeiro – Radar de Notícias/Correio 24 Horas

ENCONTRO DE EMPREENDEDORES ACONTECERÁ NESTA SEXTA-FEIRA DIA 11 EM OURICURI


Com o intuito de estimular atitudes empreendedoras na comunidade acadêmica e geral, o campus Ouricuri do IF Sertão – PE vai promover, nesta sexta-feira (11), o Encontro com Empreendedores. O evento terá início às 18h30 e ocorrerá no auditório do Núcleo de Ensino Superior Deputado Felipe Coelho.

O Encontro de Empreendedores consistirá em uma palestra da Câmara de Dirigentes Lojistas de Ouricuri com o tema “As contribuições da CDL para o empreendedorismo em Ouricuri”, que será proferida pela diretora de Serviços e Produtos da CDL/Ouricuri, Irene Souza da Trindade,  e uma roda de conversa com os empreendedores  Andressa Sibely Bezerra de Siqueira e André Bezerra de Siqueira (Quero Delivery), Ivaldo Apolinário Leite Júnior ( Iv Doceria), Jefferson Pereira de Sousa (Casa da Pesca) e Juliana Medeiros da Silva (Loja Virtual de Bolsas e Calçados).

O professor de Administração do campus Ouricuri do IF Sertão – PE, Antônio Messias Valdevino, falou sobre a relevância do Encontro de Empreendedores. “A importância do evento é a possibilidade de troca de experiências entre os empreendedores com a comunidade, onde os palestrantes e empreendedores falam sobre o processo de empreender, explicando os desafios, as motivações e fatores que os impulsionam em tal processo. A ideia é estimular o debate acerca do empreendedorismo, mostrando as várias possibilidades de negócios que podem surgir em diversos contextos e setores, como o da agropecuária, da tecnologia, da alimentação”,disse.

CONFIRA A PROGRAMAÇÃO:As inscrições são gratuitas e podem ser realizadas no site do IF Sertão – PE.

Da redação do BLOG do Emanoel Cordeiro -Radar de Notícias/IF Sertão PE

SAQUES DE ATÉ R$ 500 DO FGTS PARA CORRENTISTAS DA CAIXA NASCIDOS DE SETEMBRO A DEZEMBRO COMEÇAM HOJE

A Caixa Econômica Federal libera nesta quarta-feira (9) os saques de até R$ 500 do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS) para correntistas do banco nascidos entre setembro e dezembro. Segundo a Caixa, serão liberados aproximadamente R$ 5 bilhões para cerca de 12 milhões de pessoas. Trata-se do último lote de liberação dos recursos para correntistas da Caixa que receberão o crédito automático em conta.

O dinheiro das contas ativas e inativas será depositado automaticamente para quem tem conta poupança individual da Caixa. Para quem tem conta corrente individual, conjunta ou fácil e conta poupança conjunta, o crédito automático ocorrerá apenas se esses correntistas fizeram a autorização até o dia 4 de outubro. A liberação antecipada vale somente para contas abertas na Caixa até o dia 24 de julho deste ano.

Quem tem conta poupança individual e não quer fazer a retirada do dinheiro tem até o dia 30 de abril de 2020 para informar ao banco que prefere manter o dinheiro no Fundo de Garantia. Nesse caso, mesmo que o crédito tenha sido feito na conta, a Caixa tem até 60 dias para retornar os valores para a conta vinculada de FGTS.

Quem tem conta corrente ou conjunta e decidir autorizar o depósito automático depois do prazo estabelecido pela Caixa receberá o dinheiro até 20 dias após o pedido.

saque imediato de até R$ 500 não tem relação com o saque-aniversário, que só começa a ser pago em abril de 2020.

CONFIRA MAIS INFORMAÇÕES:

O calendário começou para quem tem conta no banco e agora vai prosseguir para quem não é correntista. O correntista da Caixa teve o dinheiro liberado de acordo com seu aniversário. Veja abaixo:

  • Aniversário em janeiro, fevereiro, março e abril: crédito em conta a partir de 13/09/2019
  • Aniversário em maio, junho, julho e agosto: crédito em conta a partir de 27/09/2019
  • Aniversário em setembro, outubro, novembro e dezembro: crédito em conta a partir de 09/10/2019

Até o momento, já foram creditados mais de R$ 10 bilhões para 24,3 milhões de clientes da Caixa nos dois primeiros lotes do crédito em conta.

Somente os correntistas com conta poupança na Caixa totalizam cerca de 36 milhões de pessoas. Cada uma das três etapas do calendário libera cerca de R$ 5 bilhões para cerca de 12 milhões de correntistas da Caixa.

Da redação do BLOG do Emanoel Cordeiro – Radar de Notícias/G1 Petrolina

BANDEIRA AMARELA – CONTA DE ENERGIA VAI FICAR MAIS BARATA EM OUTUBRO

A conta de luz dos brasileiros ficará mais barata em relação aos últimos meses a partir de terça-feira, dia 1º de outubro, com a implantação da bandeira tarifária amarela, informou na sexta, dia 27, a Aneel (Agência Nacional de Energia Elétrica).
Com isso, a cada 100 kWh (quilowatts-hora consumidos) serão acrescentados R$ 1,50 à fatura das famílias. Neste mês de setembro, está valendo a bandeira vermelha 1, que acrescenta R$ 4 a cada 100 kWh. Em agosto, também foi acionada a mesma tarifa.
Segundo a agência, a medida foi adotada porque outubro é um mês de transição entre a estação seca (inverno) e o período úmido (primavera e verão) e, por isso, a previsão para os níveis dos reservatórios é positiva.
BANDEIRAS (criadas em 2015, sinalizam o custo real da energia):
– Bandeira verde: tarifa não tem acréscimo;
– Bandeira amarela: tarifa tem acréscimo de R$ 1,50 para cada 100 kWh (quilowatts-hora) consumidos;
– Bandeira vermelha 1: tarifa tem acréscimo de R$ 4 para cada 100 kWh (quilowatts-hora) consumidos;
– Bandeira vermelha 2: tarifa tem acréscimo de R$ 6 para cada 100 kWh (quilowatts-hora) consumidos.
Da redação do BLOG do Emanoel Cordeiro – Radar de \Notícias/Fonte: Aneel (Agência Nacional de Energia Elétrica)

CAIXA ECONÔMICA COMEÇA HOJE PAGAMENTO DO FGTS COM DEPÓSITO EM CONTA, OURICURI TAMBÉM COM HORÁRIO ESPECIAL DE ATENDIMENTO

A CAIXA inicia nesta sexta-feira, dia 13 de setembro o crédito em conta do Saque Imediato do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS) para trabalhadores nascidos entre os meses de janeiro e abril. Neste início de calendário, cerca de 11,7 milhões de trabalhadores com conta poupança na CAIXA receberão automaticamente até R$ 500 de cada conta ativa ou inativa do Fundo. Nessa primeira etapa, R$ 4,8 bilhões devem ser recebidos pelos trabalhadores.

Em Ouricuri

A agência da Caixa em Ouricuri funciona hoje em horário especial, das 09 às 15 horas e amanhã, sábado, dia 14 de setembro, também das 8h às 15h, exclusivamente para pagamento do FGTS.

Cerca de 33 milhões de pessoas (34%) poderão receber crédito automático em conta poupança, conforme o calendário:

Mês de nascimento Recebem a partir de
Janeiro, fevereiro, março e abril 13/09/2019
Maio, junho, julho e agosto 27/09/2019
Setembro, outubro, novembro e dezembro 09/10/2019

De acordo com o presidente da CAIXA, Pedro Guimarães, este é o início da maior ação de pagamentos da história do país e a estratégia de atendimento do banco foi traçada para proporcionar comodidade ao trabalhador brasileiro. “A CAIXA atenderá a todos até o final do calendário. O pagamento será feito por vários canais de atendimento, com tranquilidade e segurança”, ressalta Guimarães.

O crédito ocorrerá automaticamente nas datas previstas no calendário nas contas poupança da CAIXA abertas até 24/07/2019, data de edição da MP 889/2019. O trabalhador também pode optar por receber em outras contas da CAIXA, por meio dos canais: Internet Banking CAIXA, APP FGTS e o site fgts.caixa.gov.br.

No caso de não desejar retirar os recursos, o cidadão deve informar ao banco, por meio dos canais divulgados no site fgts.caixa.gov.br, para que os procedimentos necessários sejam tomados e os valores não sacados retornem à conta vinculada ao FGTS.

Atendimento especial:

Para facilitar o atendimento, nesta primeira fase de pagamentos do Saque Imediato, as agências da CAIXA abrirão em horário estendido na sexta (13), segunda (16) e terça-feira (17).

A CAIXA também abrirá todas as agências no sábado (14), das 09 às 15h. As unidades terão atendimento exclusivo para realizar o pagamento, solucionar dúvidas, promover acertos de cadastro dos trabalhadores e emitir senha do Cartão Cidadão.

Pagamentos do FGTS:

As novas regras para saque das contas do FGTS têm como base a Medida Provisória nº 889/2019, como a possibilidade de saque, a partir deste mês, de até R$ 500 das contas vinculadas de titularidade do trabalhador, limitado ao valor do saldo, conforme exemplos abaixo:

O Saque Imediato do FGTS pode resultar em uma liberação de cerca de R$ 28 bilhões para a economia ainda em 2019 e R$ 12 bilhões para 2020. Cerca de 96 milhões de trabalhadores têm direito ao saque dos recursos.

Cronograma de saque:

Quem não possui poupança na CAIXA deverá seguir o cronograma abaixo para receber os valores do FGTS. Para quem possui cartão e senha do Cidadão, o saque pode ser feito nos terminais de autoatendimento, independentemente do valor.

Os saques de até R$ 100 poderão ser realizados em casas lotéricas, mediante apresentação de documento de identidade original com foto e número do CPF. As lotéricas também pagarão valores entre R$ 100 e R$ 500, porém com uso do cartão e senha do Cidadão.

Mês de nascimento Data de início
Janeiro 18/10/2019
Fevereiro 25/10/2019
Março 08/11/2019
Abril 22/11/2019
Maio 06/12/2019
Junho 18/12/2019
Julho 10/01/2020
Agosto 17/01/2020
Setembro 24/01/2020
Outubro 07/02/2020
Novembro 14/02/2020
Dezembro 06/03/2020

A data limite para recebimento dos valores é 31 de março de 2020. Caso o saque não seja feito até lá, os valores retornam normalmente para a conta de FGTS do trabalhador.

Canais exclusivos de informação:

A CAIXA lançou nova versão do APP FGTS, disponível para download nas lojas App Store e Google Play. Com ele, o trabalhador poderá verificar o valor, a data prevista para o saque imediato e os canais de atendimento disponíveis, dentre outras funcionalidades.

Além disso, a CAIXA criou um serviço exclusivo no site fgts.caixa.gov.br para facilitar o atendimento ao trabalhador que deseja sacar o FGTS. Na página, o trabalhador pode visualizar o valor a receber, a data do saque e os canais disponíveis.

A CAIXA disponibilizou uma central exclusiva para informações sobre o Saque Imediato (0800 724 2019), onde o trabalhador poderá consultar eventuais valores para o saque imediato e informações sobre os canais de atendimento.

Rede de atendimento:

A rede CAIXA de atendimento é composta por 4.136 unidades próprias, sendo 3.374 agências e 762 Postos de Atendimento – PA (465 agências prestam atendimento de Penhor, 2 unidades são instaladas em Barco e 8 PA são móveis, instalados em Caminhões).

Os clientes CAIXA contam também com 5.285 pontos de autoatendimento (28.725 equipamentos), 22.874 terminais do Banco 24Horas e 1.610 máquinas da Rede Compartilhada BB x CAIXA. A rede de atendimento possui ainda 21.217 parceiros, sendo 12.985 Unidades Lotéricas e 8.232 correspondentes CAIXA AQUI. Totalizando, a CAIXA possui 55.122 pontos de atendimento à população

Da redação do BLOG do Emanoel Cordeiro – Radar de Notícias/Assessoria de Imprensa da CAIXA/(61) 3206-1158/1166/4651/9645/caixa.gov.br/caixanoticias | @caixa | imprensa@caixa.gov.br

 

INFORMAÇÕES DA CDL OURICURI, CONFIRA E FIQUE POR DENTRO…

ATENÇÃO!!! A CDL Ouricuri já está presente no evento “Acelera micro crédito” do Banco do Nordeste. Hoje no Salão paróquial São Sebastião. De 08h às 12h. Consultas SPC/SERASA, Score (pontuação) e atualização cadastral.

A CDL Ouricuri em parceria com o Sebrae e Senac realiza “Varejo da moda”. 2 oficinas super importantes. Investimento R$ 20,00 associado e 30,00 não associado. (Cada).A CDL Ouricuri em parceria com Sebrae e Senac traz a ouricuri 2 oficinas ligados a área da gastronomia. Aproveitem a oportunidade que as inscrições são limitadas. Investimento R$ 20,00 associado e R$ 30,00 não associado. (Cada).A Cresol em parceria com a CDL Ouricuri está oferecendo taxas diferenciadas para associados a CDL. Procure a Cresol Ouricuri, faça uma simulação e confira.A CDL Ouricuri informa que Dr Joaquim atenderá neste mês de setembro dia 13 (sexta-feira) a partir de 07h30 da manhã.

Da redação do BLOG do Emanoel Cordeiro – Radar de Notícias

OURICURI ADERE A PLANO DE TRABALHO PARA CADEIA DO GESSO

Na tarde da última quinta-feira, 05 de setembro, o MPT – Ministério Público do trabalho e a OIT – Organização Internacional do trabalho, realizaram uma reunião para tratar da assinatura do termo de adesão ao “Grupo de Trabalho Gesso 2030″por municípios do pólo gesseiro do Araripe, com o objetivo de que as cidades desenvolvam estratégias de complilance na cadeia produtiva, que inclui a promoção do trabalho decente.

O município de Ouricuri, único município que compareceu ao encontro, de uma lista de cinco convocados, assinou o termo, se comprometendo com os órgãos. Na oportunidade, o município foi representado pelo secretário de Agricultura, Ideval Alves, que aproveitou a ocasião para falar sobre a estrutura que conta a cidade. Ressaltando a cadeia do gesso, o secretário disse do potencial que há no município para a exploração da gipsita, por meio da atividade de mineração.

O procurador do MPT, coordenador das ações do órgão no polo gesseiro, Rogério Sitônio, agradeceu a vinda do representante, assim como o aceite ao termo da OIT, que tem caráter tripartite. Ele mostrou ao secretário as atividades que estão sendo desenvolvidas na região. Desde 2015, o MPT acompanha a situação de trabalho na localidade, através de inspeções, audiências públicas, assinatura de compromissos de ajustamento de conduta e o ajuizamento de demandas coletivas contra empresas, com o intuito de garantir melhorias no meio ambiente de trabalho no setor.

“A convocação da OIT tem um caráter promocional, não repressivo, sendo o MPT um parceiro também nesse grupo de trabalho. Ficamos felizes pela adesão do município de Ouricuri, mas lamentamos a ausência dos demais, exatamente por entendermos que as soluções para os problemas mais complexos que observamos no polo precisam do engajamento de vários agentes, entre eles o do poder executivo local”, afirmou o procurador.

Pela OIT, participaram da reunião a coordenadora da área de princípios fundamentais do trabalho, Maria Cláudia Falcão; a oficial de projetos, Fernanda Carvalho; a consultora, Shamaa Dhyan. As representantes também lamentaram a ausência dos demais municípios no encontro se colocando à disposição para que entrem em contato diretamente.

O “Grupo de Trabalho Gesso 2030” foi proposto pela OIT. A ideia é apoiar na consolidação de um Plano de Intervenção no Polo do Araripe para a melhoria das condições de trabalho no polo gesseiro, visando à consolidação de uma cadeia produtiva sustentável do gesso brasileiro.

Da redação do BLOG do Emanoel Cordeiro – Radar de Notícias/Henrique Barbosa

SENADO APROVA DIVISÃO DE RECURSOS DO LEILÃO DE PETRÓLEO COM ESTADOS E MUNICÍPIOS

Senado aprovou nesta terça-feira (3) a proposta de emenda à Constituição (PEC) que prevê que a União dividirá com estados e municípios parte dos recursos oriundos de leilões de petróleo.

Por acordo de líderes partidários, as votações em primeiro e em segundo turno aconteceram nesta terça. Com isso, a PEC seguirá para a Câmara dos Deputados.

O acordo da chamada “cessão onerosa” foi fechado pela Petrobras com a União em 2010 e permitiu à estatal explorar 5 bilhões de barris de petróleo em campos do pré-sal na Bacia de Santos, sem licitação. Em troca, a empresa pagou R$ 74,8 bilhões.

O governo estima, porém, que a área pode render mais 6 bilhões de barris e fará um megaleilão, marcado para novembro, que pode render R$ 106 bilhões aos cofres públicos.

Como ficam os recursos

De acordo com a PEC:

  • R$ 33 bilhões serão descontados para cobertura de uma dívida que o governo federal tem com a Petrobras;
  • R$ 10,95 bilhões (15%) serão repassados a estados, via Fundo de Participação dos Estados (FPE);
  • R$ 10,95 bilhões (15%) serão repassados aos municípios, via Fundo de Participação dos Municípios (FPM);
  • R$ 2,19 bilhões (3%) serão distribuídos para os estados onde estiverem localizadas as jazidas de petróleo;
  • R$ 48,9 bilhões ficarão com a União.

A PEC define que os recursos devem ser usados em investimentos e em aportes em fundos previdenciários, vedado o pagamento de folha.

Inicialmente, o texto previa o repasse de 15% dos recursos para estados e mais 15% para municípios.

Pelos critérios que regem o FPE e o FPM, contudo, que privilegiam os locais menos desenvolvidos e com menor renda per capita, o Rio de Janeiro, estado produtor de petróleo, ficaria com R$ 326 milhões, valor inferior ao que receberiam, por exemplo, Bahia (R$ 905 milhões) e Ceará (R$ 692 milhões).

Parlamentares do Rio de Janeiro, descontentes com a parcela, apresentaram uma emenda para destinar 3% para os estados onde estão localizadas as jazidas de petróleo. A emenda foi acolhida pelo relator, Cid Gomes (PDT-CE), aumentando, na prática, o repasse para o RJ. A estimativa é que o estado receba cerca de R$ 2,5 bilhões.

Da redação do BLOG do Emanoel Cordeiro – Radar de Notícias/ G1

OURICURI SEDIOU O SEMINÁRIO DE LANÇAMENTO DO PROJETO “MULHERES RURAIS”

Com foco na geração de renda das mulheres camponesas, o projeto financiado pela Fundação Banco do Brasil e Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES), conta com a parceria do Fórum de Mulheres do Araripe, Rede Araripe e Centro de produtores agroecológicos do Araripe (COPAGRO).

Durante o evento de lançamento do projeto na manhã desta quarta feira, dia 14 de agosto, Irlânia Fernandes, coordenadora de Politicas e programas do CAATINGA, apresentou o projeto a representantes dos grupos de mulheres beneficiários e gestores dos municípios. A proposta é a replicação de 3 tecnologias que estão no banco de tecnologias sociais da Fundação Banco do Brasil. “Esse projeto vem ampliar a produção dos quintais das mulheres, ampliando a renda e empoderando as mulheres a acessar mercados” Diz Irlânia.

O projeto Mulheres Rurais, Beneficiamento, Produção e acesso ao PNAE, beneficiará 21 grupos, constituídos por 243 mulheres dos municípios de Ouricuri, Santa Cruz, Santa Filomena, Parnamirim, Granito e Exu.

As tecnologias a serem replicadas são: Dessanilizador Solar, tecnologia social Finalista do Prêmio Fundação Banco do Brasil de Tecnologia Social 2017 na categoria Água e Meio Ambiente, O sistema de Bioágua Familiar, que é uma tecnologia social de convivência com o semiárido. Desenvolvido para potencializar a agricultura familiar e a tecnologia de acesso ao PNAE, que é um Processo de organização, reciprocidade e articulação que facilita o acesso de mulheres camponesas ao Programa Nacional de Alimentação Escolar (PNAE), fortalecendo relações solidárias, gerando renda e maior autonomia financeira.

Além da implantação de tecnologias, os grupos receberam assessoria técnica, formações em beneficiamentos dos produtos e oficinas de sistematizações. Para Lucineide Ferreira do grupo de mulheres dos Patos participar desse processo é muito importante. “Eu vendo para o PNAE, através do COPAGRO e para mim é uma renda que contribui bastante, me sinto muito feliz em esta nesse espaço” Conta a agricultora.
O prefeito do município de Ouricuri Ricardo Ramos afirmou que a prefeitura apoiará a execução do projeto “Momento importante onde podemos ouvir vários grupos de muitas comunidades, nossa gestão se compromete a apoiar esse projeto, pois estará ampliando as alternativas de geração de renda e produzindo alimentos naturais”. O próximo passo será reuniões nos grupos de mulheres.

Da redação do BLOG do Emanoel Cordeiro – Radar de Notícias/Por Assessoria de Comunicação do CAATINGA