BOLSONARO RECEBE ALTA E DEIXA HOSPITAL EM SÃO PAULO

Bolsonaro embarca no avião rumo ao Rio de Janeiro — Foto: Graziela Azevedo/TV Globo

O candidato à presidência Jair Bolsonaro (PSL) recebeu alta às 10 horas da manhã deste sábado, dia 29 de setembro após 23 dias internado. Ele estava internado no Hospital Israelita Albert Einstein, na Zona Sul de São Paulo, desde 7 de setembro, um dia após sofrer uma facada no abdômen durante ato de campanha e passar por cirurgia em Juiz de Fora (MG). Ele precisou passar por duas cirurgias desde então.

Bolsonaro saiu do hospital às 13 horas e 45 minutos rumo ao Aeroporto de Congonhas, onde embarcou para o Rio de Janeiro, às 15 horas e 45 minutos, sob vaias e aplausos. No final da tarde, ele já estava em sua casa na capital fluminense.

No avião, Bolsonaro conversou com a TV Globo e disse que está há muito tempo afastado, foi atacado e quer mostrar a realidade.

“Quero rever minha filha de sete anos, a família, não tem preço. Estou muito feliz. Eu tenho recomendações médicas, mas estou tentando uma liberação e vou ver se consigo ir ao debate da Globo na quinta-feira”, disse.

“Tenho vontade [de ir]. Fiquei muito tempo afastado, fui muito atacado, oportunidade que tenho de mostrar a realidade”, completou.

Bolsonaro também disse que pretende desfazer mal entendidos. “Parte da equipe falou demais. Mas foi tudo de boa fé. E os ataques que foram muitos, se for possível, a gente desfaz”, disse.

Questionado sobre uma entrevista em que ele disse que não respeitaria as eleições, Bolsonaro voltou a dizer que não dá para aceitar “passivamente” uma “fraude”.

“Um sistema eleitoral onde nós já tínhamos acertado uma maneira de auditá-lo, que é o voto impresso, lamentavelmente o Supremo Tribunal derrubou e também um sistema eleitoral que não é aceito em lugar nenhum do mundo. Então, a dúvida fica e não sou eu não. A maioria da população desconfia do voto impresso. Então, quer dizer exatamente isso aí. Eu vejo, aí que foi um absurdo o PT crescer, não existe isso. O que eu sinto nas ruas, o que eu vejo em manifestações, haverá uma grande amanhã na Paulista. É um sinal claro que o povo está do nosso lado e da forma como isso é demonstrado, não dá pra gente aceitar passivamente na fraude, na possível fraude a eleição do outro lado”, disse.

No Twitter, agradeceu a manifestações de carinho. “Enfim em casa, perto de minha família no aconchego de nosso lar! Não há sensação melhor! Obrigado a todos pelas manifestações de carinho que pude ver no percurso de volta e em todo Brasil! Um forte abraço a todos!”

Segundo o presidente do PSL, Gustavo Bebbiano, Bolsonaro está “plenamente recuperado”. De acordo com o presidente da sigla, ele surpreendeu a todos os médicos, mas não tem condições de fazer campanha nas ruas.

“Ainda há uma fragilidade física que pode causar um retrocesso nessa recuperação, não haverá corpo a corpo. Campanha de rua ele está impossibilitado de fazer”, disse Bebbiano em frente ao hospital.

Pouco antes, Major Olímpio, candidato do PSL ao Senado, afirmou que no final da manhã, os médicos já haviam passado todas as prescrições médicas e que ele só aguardava o horário do voo. “Está eufórico, brincalhão, muito feliz de ir para casa”, disse o major.

Bolsonaro teve o cateter usado para administrar medicação retirado na quarta-feira (28). No local havia pequeno foco de infecção bacteriana. Como precaução os médicos decidiram manter a medicação por antibiótico na veia por mais um ou dois dias.

Nesta sexta-feira (28), Bolsonaro postou uma foto em sua conta no Instagram fazendo a barba no banheiro do quarto onde está internado no hospital. “Me preparando para voltar à ativa”, escreveu.

Jair Bolsonaro (PSL) recebe alta e deixa hospital em SP

Jair Bolsonaro (PSL) recebe alta e deixa hospital em SP

Neste sábado, o candidato escreveu no Twitter: “O Brasil está na lama por conta do sistema falido que coloca o povo a serviço do Estado e faz acordos corruptos visando a própria sobrevivência. Liderando a corrida sem se curvar a este modelo, afirmo com segurança: nunca estivemos tão próximos de finalmente mudar esta realidade”.

Redes sociais

Bolsonaro fez postagens nesta sexta-feira (28) sobre ‘ataques de parte da mídia’. A revista ‘Veja’ trouxe uma reportagem sobre o processo de separação com Ana Cristina Siqueira Valle em 2008, em que ela o acusa de agressividade, de furto de cofre e que ele tinha renda superior ao que recebia como deputado federal e militar da reserva.

Jair Bolsonaro 1️⃣7️⃣

@jairbolsonaro

Estamos na reta final para as eleições. Mais uma vez parte da mídia de sempre lança seus últimos ataques na vã tentativa de me desconstruir. O sistema agoniza, vamos vencê-lo.

Da redação do BLOG do Emanoel Cordeiro/G1 Globo



ATOS CONTRA BOLSONARO OCORREM NO CENTRO DO RIO E NO LARGO DA BATATA, EM SÃO PAULO, COPACABANA TEM MANIFESTAÇÃO A FAVOR

Protesto contra Bolsonaro ocupa a Cinelândia, no Centro do Rio — Foto: TV GloboNo Rio e em São Paulo, manifestantes foram às ruas para atos contrários à candidatura de Jair Bolsonaro (PSL) neste sábado (29). O movimento, chamado de #EleNão, foi convocado pelas redes sociais, com o apoio de artistas, durante o mês de setembro.

Em resposta ao movimento, entusiastas de Bolsonaro também se reuniram em atos pelo Brasil para demonstrar apoio ao presidenciável.

No Rio, manifestantes contrários ao candidato se reuniram na Cinelândia, no Centro, no início da tarde. Inicialmente, a concentração foi em frente ao Cine Odeon. Às 17h, parte dos manifestantes deixou a Cinelândia e seguiu em passeata por ruas do Centro do Rio. Ainda não há estimativa de público.

Protesto contra Bolsonaro ocupa a Cinelândia, no Centro do Rio — Foto: TV Globo

Os apoiadores de Bolsonaro se concentravam na Avenida Atlântica, em Copacabana, Zona Sul do Rio, na altura do Posto 5. A Polícia Militar acompanha a manifestação. O sentido Leme da via foi interditado às 15h no trecho.

No Rio, apoiadores de Jair Bolsonaro se reuniram na Praia de Copacabana, na Zona Sul  — Foto:  G1

No Rio, apoiadores de Jair Bolsonaro se reuniram na Praia de Copacabana, na Zona Sul — Foto: G1

Apoiadores do candidato Jair Bolsonaro se reúnem na praia de Copacabana, no Rio de Janeiro — Foto: Pilar Olivares / Reuters

Apoiadores do candidato Jair Bolsonaro se reúnem na praia de Copacabana, no Rio de Janeiro — Foto: Pilar Olivares / Reuters

São Paulo

Em São Paulo, por volta das 14h30, centenas de pessoas estavam no Largo da Batata, na Zona Oeste, no ato “Mulheres contra Bolsonaro”.

O evento reuniu integrantes da União da Juventude Socialista, União Estadual dos Estudantes Secundaristas, sindicatos, coletivo feminista da ECA USP, militantes com bandeiras do PT, PSOL, PSTU e Rede.

Por volta das 15h havia um caminhão de som estacionado no Largo da Batata e o trânsito fluía normalmente na Avenida Brigadeiro Faria Lima. Barracas vendiam camisetas com as palavras #EleNão. A expressão também estava em bandeiras acompanhada de palavras de ordem como “ditadura nunca mais”, contra o machismo, o racismo e a exploração.

Foto aérea mostra manifestação contra o candidato Jair Bolsonaro no Largo da Batata, na zona oeste de São Paulo — Foto: Miguel Schincariol/AFP

Foto aérea mostra manifestação contra o candidato Jair Bolsonaro no Largo da Batata, na zona oeste de São Paulo — Foto: Miguel Schincariol/AFP

Manifestantes contrários a Jair Bolsonaro se concentraram no Largo da Batata, em São Paulo — Foto: Roney Domingos/ G1

Manifestantes contrários a Jair Bolsonaro se concentraram no Largo da Batata, em São Paulo — Foto: Roney Domingos/ G1

Os manifestantes paulistanos a favor do candidato do PSL começaram a se reunir por volta das 10h em frente ao Estádio do Pacaembu, na Zona Oeste de São Paulo. Eles planejavam sair em carreata pela Zona Norte e chegar até o Parque do Ibirapuera, na Zona Sul. Não havia estimativa de participantes até as 13h.

Protestos em 12 estados

Durante a manhã, manifestações contra e a favor o candidato ocorreram em 45 cidades de 12 estados brasileiros. Os atos foram convocados pelas redes sociais.

Até as 13h, 40 cidades em 10 estados tinham registrado manifestações contrárias a Bolsonaro: Goiás, Minas Gerais, Pará, Paraíba, Paraná, Pernambuco, Rio Grande do Norte, Rio Grande do Sul, Santa Catarina e São Paulo.

Já os atos a favor do candidato tinham acontecido em 14 cidades de 6 estados: Goiás, Minas Gerais, Piauí, Rio Grande do Sul, São Paulo e Tocantins.

Veja abaixo como foram os atos pelos estados:

ALAGOAS

  • MACEIÓ

Contra Bolsonaro: A manifestação reuniu milhares pessoas na orla da Ponta Verde, em Maceió. Pessoas independentes e integrantes de movimentos sociais, sindicais e políticos com faixas e cartazes iniciaram uma caminhada às 16h, da Praça Gogó da Ema, em frente ao antigo Alagoinha, até o Posto 7, na Jatiúca. A organização do movimento diz que 3 mil pessoas participam do ato. A Polícia Militar não informou a estimativa de participantes.

Manifestantes contrários a Jair Bolsonaro se reúnem na orla da Ponta Verde, em Maceió (AL).  — Foto:  Derek Gustavo/G1

Manifestantes contrários a Jair Bolsonaro se reúnem na orla da Ponta Verde, em Maceió (AL). — Foto: Derek Gustavo/G1

CEARÁ

  • CARUARU

Contra Bolsonaro: Os manifestantes se reuniram a partir das 14h, na frente do INSS. A previsão é que o ato terminou por volta das 17h30 no Marco Zero da cidade. A Polícia Militar informou que a manifestação reuniu 700 pessoas.

  • FORTALEZA

Contra Bolsonaro: As pessoas começaram a se concentrar por volta das 15h e saíram em caminhada às 16h30. A organização estima que mais de 5 mil pessoas estejam no ato. A Polícia Militar não divulgou os números de participantes.

Manifestantes contra o candidato Jair Bolsonaro em Fortaleza (CE) — Foto: Kilvia Muniz / Sistema Verdes Mares

Manifestantes contra o candidato Jair Bolsonaro em Fortaleza (CE) — Foto: Kilvia Muniz / Sistema Verdes Mares

DISTRITO FEDERAL

  • BRASÍLIA

Contra Bolsonaro: A concentração no gramado da Esplanada dos Ministérios, em frente à rodoviária do Plano Piloto, começou por volta das 14h30. Mulheres discursaram em trio elétrico e partiram em caminhada às 15h30, em direção à Funarte, passando pela Torre de TV. A Polícia Militar informa que há 7 mil manifestantes. A organização ainda não divulgou uma estimativa.

Manifestantes protestam contra o candidato Jair Bolsonaro durante ato no Eixo Monumental, em Brasília — Foto: Sérgio Lima/AFP

Manifestantes protestam contra o candidato Jair Bolsonaro durante ato no Eixo Monumental, em Brasília — Foto: Sérgio Lima/AFP

ESPÍRITO SANTO

  • VITÓRIA

Contra Bolsonaro: A concentração dos manifestantes começou às 14h, na Praça do Papa, em Vitória. A previsão é que os participantes saiam em passeata, em direção à Praça dos Desejos. A organização ainda não informou a quantidade de manifestantes. Já a Polícia Militar informou, às 16h20, que há 2 mil pessoas no local.

Manifestantes contra Jair Bolsonaro se reúnem na Praça do Papa, em Vitória (ES) — Foto: Leandro Tedesco/ TV Gazeta

Manifestantes contra Jair Bolsonaro se reúnem na Praça do Papa, em Vitória (ES) — Foto: Leandro Tedesco/ TV Gazeta

  • CARIACICA

A favor de Bolsonaro: Uma passeata saiu do estádio Kléber Andrade, em Cariacica, na Grande Vitória, às 14h45 deste sábado. O grupo seguiu com destino a Campo Grande, onde chegou por volta das 15h40. A organização não informou a quantidade de participantes. A PM também não enviou uma estimativa.

Carreata de apoiadores de Jair Bolsonaro em Cariacica, Grande Vitória (ES). — Foto: Leandro Tedesco / TV Gazeta

Carreata de apoiadores de Jair Bolsonaro em Cariacica, Grande Vitória (ES). — Foto: Leandro Tedesco / TV Gazeta

MINAS GERAIS

  • BELO HORIZONTE

Contra Bolsonaro: As pessoas se reuniram na Praça Sete, no centro da cidade, a partir das 14h. Não há estimativas do número de participantes.

Manifestantes contrários ao candidato Jair Bolsonaro se reúnem na Praça Sete, centro de Belo Horizonte (MG) — Foto: Reprodução/TV Globo

Manifestantes contrários ao candidato Jair Bolsonaro se reúnem na Praça Sete, centro de Belo Horizonte (MG) — Foto: Reprodução/TV Globo

  • JUIZ DE FORA

Contra Bolsonaro: Os manifestantes se concentraram no Parque Halfeld, no Centro, desde as 11h. Depois, seguiram por diversas ruas do Centro da cidade e foram para a Praça Antônio Carlos. A organização estima que 30 mil pessoas estejam participando do ato. A Polícia Militar não passou números.

Manifestantes contra Bolsonaro se reúnem no centro de Juiz de Fora (MG) — Foto: Mônica Cury

Manifestantes contra Bolsonaro se reúnem no centro de Juiz de Fora (MG) — Foto: Mônica Cury

  • TRÊS PONTAS

A favor de Bolsonaro: Houve uma carreata com saída da Praça Cônego Vitor, por volta do meio-dia. Os carros percorreram ruas centrais. A carreata acabou por volt adas 14h. Não há estimativa de participantes.

  • UBERLÂNDIA

Contra Bolsonaro: O ato começou às 14h na Praça Tubal Vilela,no Centro. A previsão era que a manifestação terminasse por volta das 16h, após uma passeata. Não há estimativa de participantes.

PARAÍBA

  • JOÃO PESSOA

Contra Bolsonaro: Os manifestantes estão concentrados na Praça da Paz, no bairro dos Bancários, no Centro da capital. O ato começou às 15h, e a estimativa da organização é que 10 mil pessoas estejam participando. A PM não divulgou uma estimativa.

PERNAMBUCO

  • RECIFE

Contra Bolsonaro: A concentração na Praça do Derby, no Centro da capital, começou às 14h. A passeata contra Bolsonaro teve início às 16h. A estimativa dos manifestantes é de 15 mil pessoas, segundo a organização do evento. A Polícia Militar de Pernambuco não informa estimativa de público em eventos.

RIO GRANDE DO SUL

  • PORTO ALEGRE

Contra Bolsonaro: A manifestação #EleNão ocorre na tarde deste sábado (29) no Parque da Redenção, em Porto Alegre. O ato tem a presença de candidatos e é pacífico até o momento. A Brigada Militar não divulgou o número de pessoas no ato. A organização informou que 20 mil pessoas participaram do ato.

  • PASSO FUNDO

CONTRA BOLSONARO: A manifestação começou às 15h. As pessoas caminharam pela principal avenida da cidade até a chamada esquina democrática, no Centro. São cerca de 100 pessoas, segundo a Brigada Militar.

  • PELOTAS

Contra Bolsonaro: Um ato contra o presidenciável ocorre perto do Mercado Público de Pelotas, desde as 16h. Não há estimativa de participantes.

RIO DE JANEIRO

  • CABO FRIO

Contra Bolsonaro: O ato começou às 15h na Praça Porto Rocha. Na cidade, a manifestação recebeu o nome de “Ato Regional Contra o Fascismo”. Segundo a organização, são cerca de 150 manifestantes.

SANTA CATARINA
  • FLORIANÓPOLIS

Contra Bolsonaro: Os manifestantes estão caminhando na Avenida Beira-Mar Norte e usam as palavras #EleNão. Segundo a Polícia Militar, o ato reúne 3 mil pessoas. A organização não divulgou uma estimativa de participantes.

SERGIPE

  • ARACAJU

Contra Bolsonaro: A concentração do ato começou às 15h na Avenida Adélia Franco, no bairro Jardins. Segundo a organização, 5 mil pessoas participam da manifestação. A Polícia Militar não divulgou estimativa.

SÃO PAULO

  • JAGUARIÚNA

A favor de Bolsonaro: Uma carreata começou por volta das 12h30 na Rua Amazonas. O ato teve adesão de pelo menos mil motoristas, informou a organização.

  • JUNDIAÍ

Contra Bolsonaro: Manifestantes protestam contra o presidenciável na Ponte Torta, no Centro da cidade. O ato teve início às 16h. Segundo os organizadores, cerca de 200 pessoas participam da manifestação.

  • RIBEIRÃO PRETO

Contra Bolsonaro: O protesto contra Bolsonaro começou por volta das 11h30. O ato terminou por volta das 16h, na Esplanada do Theatro Pedro II, no centro da cidade. A organização estima que 2,2 mil pessoas estejam participando da manifestação.

  • SANTOS

Contra Bolsonaro: O ato reuniu manifestantes na Praça Independência, em Santos. A organização estima que 3 mil pessoas estejam na manifestação. A Polícia Militar informa que são mil participantes.

  • SÃO JOSÉ DO RIO PRETO

Contra Bolsonaro: O ato ocorre em frente à Prefeitura de São José do Rio Preto, na Avenida Alberto Andaló, desde as 16h. O grupo ainda vai caminhar passar pelo Mercadão Municipal na Rua 15 de Novembro e ir até o Anfiteatro Nelson Castro, na Avenida Duque de Caxias, onde será realizado um abraço coletivo e simbólico.

  • SOROCABA

Contra Bolsonaro: A concentração começou às 15h, na Praça Coronel Fernando Prestes, no Centro da cidade. Em seguida, o grupo deu uma volta no quarteirão (ruas da Penha, Monsenhor João Soares e Braguinha) aos gritos de “ele não”. Não há estimativa de participantes.

  • SUZANO

A favor de Bolsonaro: A concentração do ato começou às 14h na Praça Cidade das Flores, na região central. A organização estima que mil pessoas tenham participado do ato. A Polícia Militar divulgou que o protesto teve 500 participantes.

  • TATUÍ

Contra Bolsonaro: Uma manifestação contra o presidenciável está ocorrendo na Praça da Matriz. Segundo a Guarda Civil Municipal (GCM), cerca de 200 pessoas participam do ato pacífico. Os organizadores ainda não divulgaram a estimativa de público. As pessoas começaram a chegar ao local por volta das 15h e saíram em uma passeata pelas ruas da cidade acompanhadas de um trio elétrico.

  • TAUBATÉ

Contra Bolsonaro: As pessoas se reuniram na Praça Santa Terezinha por volta de 15h. Houve também uma passeata nas ruas próximas à praça. Não há estimativa de participantes.

  • TUPÃ

A favor de Bolsonaro: A carreata começou a partir das 10h30 na Rua Estados Unidos. O encerrando próximo ao Parque do Atleta, por volta das 13h. Segundo organizadores, o manifesto reuniu aproximadamente 2 mil carros

TOCANTINS

  • PALMAS

A favor de Bolsonaro: As pessoas se reuniram na Praça dos Girassóis, na região central, a partir das 15h. A previsão é que a carreata siga pela Avenida Teotônio Segurado, que corta a cidade de norte a sul, e vai em direção ao Ginásio Ayrton Senna, na região sul de Palmas.

Contra Bolsonaro: O ato começou por volta das 16h na Praça dos Povos Indígenas, de onde os manifestantes saíram em direção à Assembleia Legislativa, na Praça dos Girassóis. Não há estimativa de participantes.

Da redação do G1 Globo




TÓFFOLI ASSUME A PRESIDÊNCIA DA REPÚBLICA DURANTE VIAGEM DE TEMER A NOVA YORK

O presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), o ministro Dias Toffoli, assumiu pela primeira vez a Presidência da República em substituição ao presidente Michel Temer. A transmissão de cargo ocorreu em uma rápida cerimônia, neste domingo, na Base Aérea de Brasília. Temer embarcou para Nova York, nos Estados Unidos, onde participará da abertura da 73ª Assembleia Geral da Organização das Nações Unidas (ONU).

Pela regra da Constituição Federal, na ausência do presidente da República e do vice, quem assume o cargo é o presidente da Câmara e, na sequência, o do Senado. Ambos também estão fora do país. A legislação eleitoral impede a candidatura de ocupantes de cargos no Executivo nos seis meses que antecedem as eleições. Dessa forma, se Maia ou Eunício assumissem o cargo ficariam inelegíveis e não poderiam disputar as eleições de outubro.

Toffoli, que tomou posse no comando da mais alta corte do país no dia 13, despachará no Palácio do Planalto na segunda e na terça-feira. Ele tem agenda cheia. Logo na primeira manhã como presidente da República, vai assinar o ato de nomeação do advogado Henrique Ávila como integrante do Conselho Nacional de Justiça (CNJ). Em seguida, participará de duas solenidades no Salão de Audiências do Palácio. Primeiro, vai assinar uma lei que trata de aspectos relacionados às mulheres e à família. Depois, vai assinar uma lei que modifica o prazo de licença paternidade para o militar.

Na terça-feira, Toffoli terá despachos internos e, à tarde, vai assinar uma lei que inscreve o nome do político Miguel Arraes de Alencar no Livro dos Heróis da Pátria. Enquanto ficar fora do STF, quem assume a presidência da Corte é o vice, ministro Luiz Fux.

Toffoli entrará para a lista de ministros do STF que já assumiram a presidência da República. A mais recente foi sua antecessora, Cármen Lúcia. Antes dela, fizeram o mesmo os ministros Ricardo Lewandowski, Marco Aurélio Mello, Octavio Gallotti, Moreira Alves e José Linhares.

Da redação do BLOG do Emanoel Cordeiro/O Globo




CÂMARA DE OURICURI APROVA 10% DE CRÉDITO ADICIONAL COMPLEMENTAR NA LDO 2019

Na sessão ordinária dessa terça-feira, 28 de agosto, a Câmara de Vereadores de Ouricuri, Casa Rodrigos Castor, discutiu e aprovou em 1º e 2º  turnos com emendas, o Projeto de Lei 009/2018, oriundo do Poder Executivo Municipal, que dispunha sobre a elaboração da Lei de Diretrizes Orçamentárias para o exercício financeiro de 2019, com base na Lei Complementar nº 101 de 04 de maio de 2000 (LDO)

No projeto original, o chefe do Poder Executivo, solicitava a abertura do crédito adicional suplementar de 16%.no Art. 15º, o qual sofreu uma emenda assinada pelos vereadores Everaldo Valério e Dida, que disponibilizava, 5%.

Após reunião interna com os parlamentares, foi apresentada em plenário a proposta de liberação de 10%, acordada pelos vereadores, discutida e aprovada em dois turnos.

A presidente da Casa, a vereadora Adelucia Cleia, apresentou emendas aditivas que tratavam sobre construção e manutenção da Casa do Parto e ainda, incentivo ao evento denominado Pedal na Caatinga e Maratona na Caatinga, todos aprovados por unanimidade.

Ouça o que falou a presidente sobre a sessão:

Ouça o que disse o vereador Everaldo Valério sobre a aprovação da verba suplementar:

Por se tratar da discussão e votação da LDO – Lei de Diretrizes Orçamentárias, não houve segundo expediente.

Da redação do BLOG do Emanoel Cordeiro

 




GOVERNADOR PAULO CÂMARA CONCEDE ENTREVISTA AO VIVO NA GRANDE SERRA FM E PARTICIPA DO LANÇAMENTO DA CANDIDATURA DE DR. ANDERSON EM OURICURI

O governador de Pernambuco e candidato a reeleição em 7 de outubro, Paulo Câmara esteve em agenda nesta sexta-feira na região do Araripe, onde concedeu uma entrevista ao vivo na rádio Grande Serra FM 91,3 aos jornalistas Emanoel Cordeiro e Cariri Filho.

Durante quase 30 minutos, Paulo Câmara respondeu a perguntas sobre várias temáticas, educação saúde, segurança, reivindicações de demandas para Ouricuri e região, inclusive política nas esferas local, estadual e nacional e ao final conheceu as dependências da emissora e pousou para fotos.Em seguida ele e a comitiva, composta pelo senador Humberto Costa, o deputado federal Tadeu Alencar, o prefeito de Ouricuri, Ricardo Ramos e a primeira dama do município Karol Barros, o candidato a deputado estadual Anderson Aquino, secretários municipais de Ouricuri, a exemplo de Gardiele Andrade (saúde) e Eliane Guedes (educação) coordenadores e diretores municipais, prefeitos da região e o representante da Fetape e STR de Ouricuri, Ferrinho se dirigiram ao clube Kararão Prime para o evento político de lançamento da candidatura de Anderson Aquino a deputado com apoio do prefeito Ricardo Ramos.

O governador ainda tem uma agenda com o candidato Antonio Fernando e em seguida estará em Araripina participando de um comício com aliados.

Antes ele esteve em Trindade, onde conversou com o prefeito Dr. Éverton e participou da inauguração de uma escola naquela cidade.

Da redação do BLOG do Emanoel Cordeiro




PARTIDOS POLÍTICOS RECEBEM 1,3 BILHÃO PARA FINANCIAR CAMPANHA ELEITORAL EM 2018

Do total de R$ 1,7 bilhão do Fundo Especial de Financiamento de Campanha (FEFC), o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) mandou pagar cerca de R$ 1,3 bilhão para 22 dos 35 partidos políticos que têm direito aos recursos.

Segundo o tribunal, DEM, Avante, PRB, Pros, PSC, PT, PTC, MDB, Patri, PHS, PMN, Pode, PPS, PR, PRP, PRTB, PSD, PSDB, PSL, PSOL, PV e SD receberam a verba para financiar a campanha eleitoral.

Mais 12 legendas – PSTU, PDT, PMB, PP, PTB, Rede, PCB, PCdoB, DC, PCO, PPL e PSB – tiveram o processo aprovado, e o TSE deve emitir as ordens de pagamento nos próximos dias. O partido Novo ainda não indicou ao TSE os critérios de distribuição do fundo para receber sua quota.

O Novo já se declarou contra a aplicação de recursos públicos no financiamento dos partidos e das campanhas eleitorais. “O Novo é mantido por seus filiados e doadores, não pelos impostos, pagos pelo cidadão”, diz o partido, que tem 19.026 filiados, segundo dados disponíveis no portal do TSE.

A legenda tem direito a R$ 980.691,10 do Fundo Especial de Financiamento de Campanha. Conforme o TSE, se o Novo não requisitar sua parcela do fundo, o valor será devolvido ao Tesouro Nacional até o fim deste ano.

Para receber os recursos do fundo, os partidos têm de formalizar o pedido no TSE e mandar a ata da reunião do diretório nacional que definiu os parâmetros de distribuição da verba. Entre os critérios, obrigatoriamente está a destinação de 30% do total para o custeio das campanhas das candidatas de cada partido.

O FEFC foi criado no ano passado, como parte da reforma política aprovada pelo Congresso Nacional. Os recursos estão previstos no Orçamento Geral da União e são a principal fonte de custeio das campanhas eleitorais, após a proibição das doações de empresas.

Veja a quanto cada partido tem direito

      Partido                         Valor
MDB

 

               R$ 230.974.290,08               

 

           PT                R$ 212.244.045,51
PSDB R$ 185.868.511,77

 

PP R$ 131.026.927,86

 

PSB R$ 118.783.048,51

 

PR R$ 113.165.144,99

 

PSD R$ 112.013.278,78

 

DEM R$ 87.503.080,78

 

PRB R$ 66.983.248,93
PTB R$ 62.260.585,97

 

PDT R$ 61.475.696,42

 

SD

 

R$ 40.127.359,42

 

Pode R$ 36.112.917,34

 

PSC

 

R$ 35.913.889,78

 

PCdoB

 

R$ 30.544.605,53

 

PPS

 

R$ 29.203.202,71

 

PV

 

R$ 24.640.976,04

 

PSOL

 

R$ 21.430.444,90

 

PROS

 

R$ 26.124.350,14

 

PHS R$ 18.064.589,71

 

Avante R$ 12.438.144,67

 

Rede R$ 10.662.556,58

 

Patri R$ 9.936.929,10

 

PSL

 

R$ 9.203.060,51

 

PTC

 

R$ 6.334.282,12

 

PRP R$ 5.471.690,91

 

DC R$ 4.140.243,38

 

PMN

 

R$ 3.883.339,54

 

PRTB R$ 3.794.842,38

 

PSTU

 

R$ 980.691,10

 

PPL R$ 980.691,10

 

PCB

 

R$ 980.691,10

 

PCO

 

R$ 980.691,10

 

PMB R$ 980.691,10
Novo R$ 980.691,10

Da redação do BLOG do Emanoel Cordeiro/Fonte Agência Brasil




PAULO CÂMARA LIDERA PESQUISA IPESP PARA GOVERNADOR EM PERNAMBUCO

Na primeira pesquisa de intenção de votos realizada pelo Instituto de Pesquisas Sociais, Políticas e Econômicas (Ipespe), divulgada em parceria com a Folha de Pernambuco nesta quarta-feira (15), o governador Paulo Câmara (PSB), candidato à reeleição, está na frente com 30%, liderando nominalmente a disputa. O senador Armando Monteiro Neto (PTB) surge em segundo lugar, com 24%, no limite da margem de erro, que é 3,5 pontos percentuais. Os demais nomes aparecem com percentuais distantes.

A pesquisa foi realizada entre os dias 11 e 13 de agosto, por telefone, ouvindo 800 pessoas, definindo cotas de sexo, idade, localidade, instrução e renda. A margem de erro é de 3,5 pontos percentuais para mais ou para menos, com um intervalo de confiança de 95,45%. Como manda a lei, o levantamento foi registrado no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) sob os números de protocolo BR-06973/2018 e PE-07336/2018 e fez a seguinte pergunta: “Se a eleição para Governador de Pernambuco fosse hoje e os candidatos fossem esses que vou ler, em quem o(a) Sr(a) votaria para Governador?”.

O ex-deputado federal Maurício Rands (PROS), que apresentou sua candidatura no final do prazo das convenções partidárias, apareceu na pesquisa estimulada com 4% das intenções de voto. Já a advogada Danielle Portela (PSOL) e o ex-prefeito de Petrolina Júlio Lóssio (Rede) pontuaram 3% cada. Simone Fontana, do PSTU, teve 2% das menções. Brancos, nulos ou “nenhum” representam 27% dos entrevistados. Já os indecisos ou os que não responderam aparecem com 8%.

Da redação do BLOG do Emanoel Cordeiro




ÀS VÉSPERAS DO PRAZO FINAL DETERMINADO PELO TSE, SEIS NOMES JÁ REGISTRARAM SUAS CANDIDATURAS PARA AS ELEIÇÕES 2018 

O Partido Novo apresentou nesta segunda-feira, dia 13 de agosto, ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE) o pedido de registro da candidatura do empresário João Amoêdo à Presidência da República. Até o momento, Amoêdo foi o candidato que declarou o maior patrimônio – R$ 425 milhões.

Na declaração, o presidenciável inclui casas, apartamentos, carros, joias, quadros, objetos de arte, título de clube, aplicações, embarcação, salas comerciais e depósito em conta corrente. O vice Christian Lohbauer declarou R$ 4,1 milhões.

O Novo é o sexto partido a registrar candidatura a presidente. O prazo para requer o registro se encerra às 19 horas desta quarta-feira, dia 15. O TSE tem até 17 de setembro para apreciar todos os pedidos.

Segundo dados do Tribunal, esta terça-feira, dia 14, além de seis candidatos a presidente e seis a vice-presidente, já foram solicitados registros de candidatos a governador (58), a vice-governador (58), a senador (104), a deputado federal (2.410), a deputado estadual (4.288) e a deputado distrital (285), além de 209 para suplentes de senadores.

Da redação do BLOG do Emanoel Cordeiro/Elismar Rodrigues.




SINDICATO DOS AGENTES DE SAÚDE E ENDEMIAS DA REGIÃO DO ARARIPE PERNAMBUCANO SE REÚNE EM OURICURI

Durante toda a manhã dessa quarta-feira, 08 de agosto, a diretoria do SINACSE – Sindicato dos Agentes Comunitários de Saúde e Endemias da região do Araripe, se reuniu extraordinariamente na cidade de Ouricuri para discussão da pauta para as próximas lutas da categoria, dentre esses, Planos de Cargos e Carreiras, Pmac e insalubridade, que é Lei e em vários municípios não estão sendo pagos com o piso da categoria, em especial, o planejamento de uma audiência pública para discutir o TAC – Termo de Ajuste de Conduta, assinado com secretários municipais de saúde, prefeitos e o procurador da república, o Dr. Antonio Marcos da Silva de Jesus, que está sendo responsável palas assinaturas dos TACs na região, para ampliar a discussão da implantação de ponto eletrônico para os agentes de saúde e endemias, os quais são contra por estarem conscientes que por trabalharem externamente, não há condição de está na unidade de saúde nos horários de bater o ponto.

Nossa reportagem esteve presente e conversou com a diretoria sobre a reunião e o planejamento da audiência pública, confira:

Na reunião se fizeram presentes os seguintes diretores:

Francisco Herisvaldo Pereira de Oliveira – presidente

Antonio Adilson – Vice Presidente

Maria Ivoneide da Silva – Secretaria de finanças

Elka da Costa Souza – Secretaria Geral

Luíza Auxiliadora Alves- Secretaria de Assuntos Jurídicos

Silvânia Alves da Luz – Segunda Secretaria

Francisca Nunes da Costa – Secretaria de comunicação

Genésio Barros da Silva – Conselho fiscal

Elza Maria do Carmo Lima Feitosa – Conselho fiscal.

A diretoria é formada por membros dos municípios da região, Parnamirim, Araripina, Bodocó, Exu, Trindade, Ouricuri, Santa Cruz e Santa Filomena.

Luíza auxiliadora, declarou que a audiência pública já foi marcada para o próximo dia 30 de agosto n sede da IX FERES Gerência Regional de rá contar em Ouricuri a partir das 08 horas da manhã e deverá contar com toda a categoria da região, autoridades da áreas e a comunidade em geral.
A diretoria convida a todos para aprofundar a discussão e fazer valer o que diz a legislação, especificamente fanado da categoria.

Da redação do BLOG do Emanoel Cordeiro




ELEIÇÕES EM PERNAMBUCO TERÁ 6 CONCORRENTES A GOVERNADOR

Ao final do prazo para as convenções, Pernambucanos terão 6 nomes para avaliação antes de irem às urnas em outubro, confira quem são os pleiteantes:

Armando Monteiro (PTB)

Armando Monteiro é candidato ao governo de Pernambuco pelo PTB (Foto: Marlon Costa/Pernambuco Press)

coligação “Pernambuco Vai Mudar” oficializou, neste sábado (4), a candidatura de Armando Monteiro Neto (PTB) ao governo de Pernambuco. O anúncio foi feito na convenção da chapa, realizada no Centro de Convenções de Pernambuco, em Olinda.

Além do PTB, outros 12 partidos compõem a coligação: DEMPSDBPRBPodemosPSCPPSPMBPSDCPVPSLPHS PRTB. O vereador do Recife Fred Ferreira (PSC) é o candidato a vice do grupo.

Natural do Recife, Armando Monteiro Neto tem 66 anos e é formado em administração pela Fundação Getúlio Vargas (FGV), no Rio de Janeiro, e em direito pela Universidade Federal de Pernambuco.

Ele exerce mandato de senador por Pernambuco desde 2011. Foi eleito deputado federal por três vezes (1998, 2002 e 2006), presidente da Federação das Indústrias do Estado de Pernambuco (Fiepe), presidente da Confederação Nacional das Indústrias (CNI), além de ministro do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior na gestão da ex-presidente Dilma Rousseff.

Dani Portella (PSOL)

Dani Portela é candidata ao governo de Pernambuco pelo Psol (Foto: Aldo Carneiro/Pernambuco Press)

A coligação “A Esperança Vence o Medo” oficializou, neste sábado (4), a candidatura de Dani Portela (Psol) ao governo de Pernambuco. O anúncio foi feito na convenção da chapa, realizada na Casa Marielle Franco, sede do Partido Socialismo e Liberdade, no Centro do Recife.

Além do Psol, o Partido Comunista Brasileiro (PCB) também faz parte da chapa majoritária, com a candidatura da educadora social Gerlane Simões a vice-governadora.

Natural de Olinda, Danielle Gondim Portela dos Santos é advogada e historiadora formada pela Universidade Católica de Pernambuco e tem mestrado em História pela Universidade Federal de Pernambuco (UFPE). Atuou como professora pela Universidade Federal da Paraíba e como pesquisadora vinculada ao Departamento de Paleontologia da UFPE.

Atualmente, a candidata do Psol atua como advogada popular especializada em questões de violência contra a mulher e também atua em questões sindicais.

Júlio Lóssio (Rede)

Júlio Lóssio é candidato ao governo de Pernambuco pela Rede (Foto: Marlon Costa/Pernambuco Press)

Rede Sustentabilidade oficializou, na sexta-feira (3), a candidatura de Júlio Lóssio ao governo de Pernambuco. O anúncio foi feito na convenção do partido, realizada em um hotel no Pina, bairro da Zona Sul do Recife.

Nascido em Manaus, no Amazonas, Júlio Lóssio tem 46 anos e é formado em medicina na Universidade Federal de Pernambuco, além de ter especialização em oftalmologia clínica e cirúrgica.

Maurício Rands (PROS)

Maurício Rands é candidato ao governo de Pernambuco pelo Pros nas eleições 2018 (Foto: Larissa Pereira/TV Globo)

coligação “O Pernambuco que Você Quer” oficializou, neste domingo (5), a candidatura do advogado Maurício Rands (Pros) ao governo de Pernambuco nas Eleições 2018. A convenção ocorreu no Empresarial RioMar, no bairro do Pina, na Zona Sul do Recife.

Além do Pros, a coligação inclui o PDT, com a candidatura da vereadora Isabella de Roldão a vice-governadora, e o Avante.

Natural do Recife, Maurício Rands tem 56 anos, é formado em direito pela Universidade Federal de Pernambuco e tem PHD pela Universidade de Oxford, nos Estados Unidos. Foi eleito deputado federal em 2002 e continuou no cargo até 2012, por três mandatos seguidos. Ele atua como secretário de Acesso a Direitos e Equidade da Organização dos Estados Americanos (OEA).

Paulo Câmara (PSB)

Paulo Câmara é candidato ao governo de Pernambuco pelo PSB nas eleições 2018 (Foto: Marlon Costa/Pernambuco Press)

A coligação “Frente Popular de Pernambuco” oficializou, neste domingo (5), a candidatura do governador Paulo Câmara (PSB) ao governo de Pernambuco nas Eleições 2018. A convenção ocorreu no Clube Internacional do Recife, na Zona Oeste da cidade.

Além do PSB, outros 11 partidos compõem a chapa: SDPPLPMNPSDPRPPPCdoBPTMDBPatriota PRP. A atual deputada federal Luciana Santos (PCdoB) foi apresentada como vice da chapa.

Natural do Recife, Paulo Henrique Saraiva Câmara tem 45 anos e é formado em economia pela Universidade Federal de Pernambuco (UFPE). Pela mesma instituição, é especialista em Contabilidade e Controladoria Governamental e mestre em Gestão Pública.

Paulo Câmara também é auditor concursado do Tribunal de Contas do Estado (TCE) e atua no governo de Pernambuco desde a gestão de Eduardo Campos (PSB), iniciada em 2007. Durante o governo do socialista, foi secretário de Turismo e da Fazenda. Em 2014, foi eleito governador de Pernambuco com 68% dos votos.

Simone Fontana (PSTU)

Simone Fontana é candidata ao governo de Pernambuco pelo PSTU (Foto: Marlon Costa/Pernambuco Press)

Partido Socialista dos Trabalhadores Unificado (PSTU) oficializou, na quarta-feira (1º de agosto), a candidatura de Simone Fontana ao governo de Pernambuco. O anúncio ocorreu na sede do Movimento de Trabalhadores Cristãos do Recife, no Centro da capital pernambucana. O candidato a vice é o sindicalista Jair Pedro.

Já foi candidata a senadora, a deputada estadual, a prefeita e a vereadora da capital pernambucana, além de ter sido dirigente do Sindicato dos Professores do Recife (Simpere).

Da redação do BLOG do Emanoel Cordeiro/G1




PARTIDOS LANÇAM 13 CANDIDATOS À PRESIDÊNCIA DA REPÚBLICA PARA AS ELEIÇÕES DE OUTUBRO

Com fim do prazo previsto na legislação eleitoral para definição dos candidatos que pretendem concorrer às eleições de outubro, 13 candidatos e seus vices confirmaram que vão disputar a Presidência da República.

Segundo a legislação, as chapas completas com os candidatos, vices, alianças ou coligações têm de ser oficializadas até esta segunda-feira (6) na Justiça Eleitoral.

A partir de agora, as legendas poderão registrar seus candidatos à Presidência no Tribunal Superior Eleitoral (TSE). O prazo termina no dia 15 de agosto, às 19h. Em seguida, caberá ao Ministério Público Eleitoral (MPE), qualquer candidato, partido político ou coligação impugnar o registro do adversário político.

Para tanto, na fundamentação que deve ser enviada ao tribunal, o impugnante deverá apresentar argumentos jurídicos contra o registro da candidatura, como algum impedimento legal previsto na Lei da Ficha Lima que gere uma inelegibilidade. Caberá a um ministro do TSE analisar os argumentos e decidir se o candidato poderá disputar  as eleições.

A propaganda eleitoral por meio de carros de som, comícios e internet está liberada a partir do dia 16 deste mês.

O primeiro turno do pleito será realizado dia 7 de outubro, e segundo, em 28 de outubro.

Da  redação do BLOG do Emanoel Codeiro/Agência Brasil. Via G7 Salgueiro 




BOLSONARO ANUNCIA GENERAL MOURÃO COMO SEU VICE NA CHAPA COMO VICE

O candidato à presidência pelo PSL, Jair Bolsonaro, anunciou neste domingo, dia 5 de agosto, o general Hamilton Mourão como vice em sua chapa.

O anúncio, feito em um clube no Jaçanã (zona norte de SP), foi para um público formado por pessoas com camisetas com o rosto de Bolsonaro, trajes com estampas militares e com bandeiras nacionais e do Estado.

O capitão do Exército foi recebido por uma bateria de escola de samba e um homem fantasiado de Capitão América.

Mourão terá seu nome oficializado na tarde deste domingo. Nos poucos trechos audíveis do discurso de Bolsonaro, em sua maioria incompreensível por problemas no som, ele elogiou outros cotados para o cargo, como o general Augusto Heleno.

Além disso, fez ataques à “esquerdalha” e ao establishment político. “Eles podem ter televisão e o dinheiro, mas só nós temos o povo do nosso lado”, disse.

Bolsonaro subiu ao palco acompanhado dos filhos, Flávio e Eduardo. Também estava o ex-ator Alexandre Frota, candidato a deputado federal, que se tornou um dos nomes da direita mais influentes da internet.

O deputado federal Eduardo Bolsonaro foi o primeiro da família a discursar e fez um discurso voltado a policiais e entusiastas de armas. “Sabe porque nossos policiais morrem? Porque se eles atirarem eles sabem que vão responder um processo”, disse.

“O estatuto do desarmamento não melhorou a vida de ninguém. Vocês querem que o presidente mude esse estatuto”, questionou, para ouvir um grande sim do público. Em um auditório lotado, o público entoou cantos homenageando Bolsonaro durante toda a convenção.

“Lula na prisão, Bolsonaro é capitão”, gritavam. No público, havia policiais e movimentos como Direita São Paulo e Direita Sorocabana.

Antes da convenção iniciar, o presidente estadual do PSL, o deputado federal Major Olímpio, candidato ao senado, afirmou que o partido compensará a falta de estrutura com ajuda de agentes de segurança e voluntários como atiradores, caçadores, participantes de motoclubes.

Ele admitiu, porém, a dificuldade de atrair quadros competitivos para o partido. “Quem vai querer vir para um partido que tem oito segundos de TV e não usará o fundo eleitoral?”, afirmou

Da redação do BLOG do Emanoel Cordeiro/Araripina em Foco/Folha de S. Paulo – Artur Rodrigues




CONVENÇÃO NO RECIFE – DR. ARNALDO DELMONDES AGORA É OFICIALMENTE CANDIDATO A DEPUTADO FEDERAL PELO PRP

Agora é oficial, o advogado trabalhista e filho de Araripina, Dr. Arnaldo Delmondes, é candidatíssimo a uma vaga na Câmara dos Deputados em Brasília. A oficialização de sua candidatura aconteceu na tarde deste sábado 04 de agosto, no Espaço Aberto Music, na Imbiribeira, no Recife, em clima de muita festa e alegria.

O partido que Dr. Arnaldo Delmondes vai disputar uma cadeira na Câmara Federal nas Na convenção, centenas de pessoas compareceram para dar o seu apoio a Dr. Arnaldo e também aos outros candidatos a deputados estaduais. próximas eleições é o PRP, Partido Republicano Progressista.

O presidente do PRP estadual, Ernesto de Paula, juntamente com sua comitiva, também esteve presente à convenção de ontem e deu total apoio a todos os candidatos que vão concorrer nas próximas eleições.

Dr. Arnaldo também pretende fazer sua convecção em Araripina ainda este mês em data que está sendo definida e acontecerá em um local de eventos da cidade ainda a ser definido, mas que ainda essa semana será divulgada. Várias pessoas de Araripina e Região do Araripe, inclusive familiares e amigos de Dr. Arnaldo, comparecerem à convecção no Recife.

Da redação do BLOG do Emanoel Cordeiro/Fredson Paiva




REDE OFICIALIZA MARINA SILVA COMO CANDIDATA A PRESIDENTE DA REPÚBLICA

Estreante em eleições gerais, a primeira Convenção Nacional da Rede Sustentabilidade confirmou, por aclamação, neste sábado (4) o nome Marina Silva como candidata da sigla à Presidência da República. Sob aplausos, o candidato à vice na chapa, o médico sanitarista, Eduardo Jorge, do Partido Verde (PV), também foi apresentado oficialmente no encontro.

Ao lado de lideranças da sigla como o senador, Randolfe Rodrigues (AP), do deputado federal, Miro Teixeira (RJ) e da vereadora Heloísa Helena (AL), Marina agradeceu o apoio da família e disse que a candidatura dela e de Eduardo Jorge é a que está em melhores condições de unir o Brasil. A candidata rechaçou as críticas de que ela e o vice não representam uma candidatura viável. “Nossa aliança não é por conveniência, por tempo de TV, por dinheiro para pagar marqueteiro. É uma aliança para ajudar a transformar o Brasil”, disse.

Marina defendeu que o compromisso é o melhor antídoto para o medo de enfrentar situações difíceis. A presidenciável defendeu uma campanha limpa, sem notícias falsas e sem destruir biografias. Se comprometeu com as reformas da Previdência, tributária e política, que acabe com a reeleição e incentive candidaturas independentes. Se eleita, Marina também disse que pretende fazer uma revisão dos “pontos draconianos” da reforma trabalhista que, segundo ela, seriam feitas a partir de um diálogo com o Congresso. Reafirmou compromisso com programas como Bolsa Família e Minha Casa, Minha Vida, além de melhorias no Sistema Único de Saúde.

O vice na chapa, Eduardo Jorge, ressaltou a preocupação com a sustentabilidade e com o meio ambiente.

DiversidadeCom o ator Marcos Palmeira fazendo as vezes de mestre de cerimônia, a convenção foi marcada pela diversidade. Na primeira parte do encontro, um pastor evangélico, uma mulher negra e uma indígena intercalaram seus discursos sobre temas como protagonismo cidadão, força das mulheres e raízes do Brasil, com apresentações culturais de música e dança.

Marina destacou que seguiu pelo caminho da política, mas nunca abandonou seus estudos de psicopedagocia e teoria psicanalítica, ao mesmo tempo em que se manteve “uma pessoa movida a fé”. “Fé para remover as montanhas que não fui capaz de escalar”, disse. E acrescentou: “Temos de escalar as montanhas que for possível porque senão estaríamos pecando contra Deus”.

Ao lembrar que venceu dificuldades da pobreza e das doenças – malária, leishmaniose e contaminação por metais pesados, afirmou: “Sou milagre da vida, [feito pelos] médicos e Deus”. Marina tem 60 anos e quatro filhos.

Agência Brasil




MARÍLIA ARRAES NÃO SERÁ CANDIDATO AO GOVERNO DE PERNAMBUCO PELO PT

A decisão é final: Marília Arraes não será candidata ao governo pelo PTO encontro nacional do PT, realizado em São Paulo e com a presença de aproximadamente 600 delegados da legenda petista, a chamada base do partido, lavou as mãos sobre a decisão de manter ou retirar a pré-candidatura de Marília Arraes (PT) ao governo de Pernambuco. Os delegados decidiram não se posicionar. Isso significa, segundo a secretária de comunicação da sigla no estado, Sheila Oliveira, que prevalece o que foi determinado pelo diretório nacional do PT na última sexta-feira. Na prática, a base nacional não quis se rebelar contra o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, que esteve a par de todas as negociações e externou sua posição por meio da presidente nacional do PT, Gleisi Hoffmann. Lula inclusive foi confirmado neste sábado como candidato petista à Presidência da República.

O PT de Pernambuco vai se aliar com o governador Paulo Câmara (PSB). O nome que vai representar a sigla petista nas eleições de 2018 e na aliança estadual com o PSB é o senador Humberto Costa. Ele será candidato ao Senado na chapa de Paulo Câmara, ao lado de Jarbas Vasconcelos (MDB).

Segundo Sheila, o encontro nacional é a última instância partidária que poderia ter dado suporte à postulação de Marília. Como os delegados acharam por bem não se posicionar sobre o assunto – eles votaram para não decidir – o recurso perdeu o sentido.

Sheila Oliveira estava ao lado de Marília quando saiu o resultado. A pré-candidata ainda não foi localizada até o fechamento desta matéria.

O presidente estadual do PT, Bruno Ribeiro, disse que “o encontro deliberou que a decisão sobre os recursos foi delegada à executiva nacional, que já tem a posição que conhecemos e que ontem foi mantida pelo diretório nacional”.

Preso desde o dia 7 de abril, na carceragem da Polícia Federal, em Curitiba (PR), Lula conseguiu mexer em todo o xadrez eleitoral do país e do estado ao propor a retirada do nome da pré-candidata de cena. O afastamento de Marília do páreo isolou o presidenciável Ciro Gomes (PDT). Pernambuco estará no centro das atenções políticas até o prazo final das convenções partidárias neste domingo , dia 5.

Depois dessa decisão, o PT de Pernambuco vai realizar sua convenção estadual apenas de forma protocolar neste domingo, às 11h. O recurso de Marília foi indeferido pelo diretório nacional por 57 votos a 29. Antes, a executiva nacional da legenda já havia decidido retirar a pré-candidatura de Marília por 17 a 8. Marília resistiu até “a última instância”, como prometeu. Mas, entre a pré-candidatura dela e uma orientação de Lula, que está preso, os delegados-militantes optaram por deixar a decisão com o maior cacique da legenda. A vantagem agora, portanto, está com Paulo Câmara. Ele será o candidato de Lula em Pernambuco e será confirmado na convenção estadual da sigla socialista.

Da redação do BLOG do Emanoel Cordeiro/Aline Moura – Diario de Pernambuco