OURICURI TERÁ VACINAÇÃO NESTE SÁBADO NO SISTEMA DRIVE-THRU

Informações repassadas à nossa redação é que em Ouricuri neste próximo sábado , dia 06 de junho, “DIA D ” das 07:30h ás 13:30 hs, haverá campanha de vacinação contra Influenza e Sarampo na praça Frei Damião no centro de Ouricuri.

INFLUENZA – (GRIPE) Para crianças de 06 meses até 5 anos, 11 meses e 20 dias, gestantes, Puérperas, adultos de 55 a 59 anos, professores, pessoas com deficiência, caminhoeiros e motoristas de transporte coletivo.

A campanha de vacinação contra INFLUENZA ou GRIPE, teve início dia 29 de março e seguirá nos postos até o dia 30 de junho.

SARAMPO – Para pessoas de 20 a 49 anos indiscriminadamente, especialmente neste sábado, dia 06.

Da redação do BLOG do Emanoel Cordeiro – Radar de Notícias

EX-PREFEITO E ATUAL SECRETÁRIO DE AGRICULTURA DE CUSTÓDIA-PE MORRE APÓS SER PICADO POR ABELHAS

Nesta quarta-feira, dia 3 de junho por volta das 11 horas e 30 minutos foi vítima de picadas de abelhas e veio a óbito o ex-prefeito de Custódia, NEMIAS GONÇALVES.

NEEMIAS estava em sua fazenda denominada de Fazenda Nova, quando foi atacado por várias abelhas e veio a falecer.

Morreu o ex-prefeito de Custódia, NEEMIAS GONÇALVES (PSB), que já geriu o município por 3 vezes e atualmente exercia o cargo de secretário municipal de agricultura. Ele foi atacado por abelhas em sua propriedade rural. Alérgico a picadas, foi levado às pressas para o Hospital de Custódia.

O veneno causou uma reação alérgica fatal chamada anafilaxia. Isso ocorre porque o sistema imunológico considera o veneno inoculado como um invasor prejudicial e reage liberando uma substância química chamada histamina. A liberação de histamina e outras substâncias químicas é o que causa sua reação.

A informação é de que foram muitos picadas. O prefeito já teria dado entrada em parada cardiorrespiratória na unidade de saúde de Custódia, a unidade Mista Elizabete Barbosa. Médicos tentaram reanimá-lo, sem sucesso. NEEMIAS vivia na comunidade rural por ser de grupo de risco, prevenindo contrair a Covid-19.

Da redação do BLOG do Emanoel Cordeiro – Radar de Notícias/Nil Junior

PREFEITO RAIMUNDO PIMENTEL DISPONIBILIZA HIDROXICLOROQUINA E OUTROS MEDICAMENTOS CONTRA O CORONAVÍRUS NAS UBS DE ARARIPINA

O prefeito de Araripina Raimundo Pimentel, anunciou nesta quarta-feira  dia 19 de maio, em uma rádio da cidade que estará disponibilizando nas Unidades Básicas de Saúde do Município-UBS, novos medicamentos para serem utilizados no combate ao novo coronavírus, entre eles, a hidroxicloroquina. No entando, o gestor fez questão de frisar, que esses remédios só serão utilizados sob a prescrição e responsabilidade dos médicos.

A Prefeitura de Araripina inicia nesta semana nas unidades de saúde do município e na UPA 24h, a disponibilização de medicamentos que poderão ser usados em pacientes com casos leves da Covid-19, doença causada pelo novo coronavírus. Cloroquina, Hidroxicloroquina, Ivermectina, Nitazoxanida, Oseltamivir e Azitromicina estarão disponíveis para que os médicos que atendem na rede municipal usando os seus critérios, sob suas respectivas responsabilidades ética e profissional e com o aval do paciente, possam prescrever o uso destes medicamentos.

“Quero deixar bem claro que esses medicamentos não serão prescritos sem acompanhamento médico e também sem a ciência e autorização do paciente. Porque? Alguns desses medicamentos como a hidroxicloroquina, provoca efeitos colaterais importantes como arritmia cardíaca. Então é preciso ter além da autorização médica, a ciência do paciente para que esse medicamente seja aplicado na forma leve na nossa rede de atenção básica”, explicou.

Todos eles apresentam efeitos positivos no combate aos sintomas iniciais da Covid-19 e, embora não haja comprovação científica, o uso destes remédios, segundo relatos de alguns profissionais, tem proporcionado uma melhora nos quadros clínicos de diversos pacientes.

Da redação do BLOG do Emanoel Cordeiro – Radar de Notícias/Ascom/Roberto Gonçalves – Araripina/Edy Vieira

MORRE EM JUAZEIRO DO NORTE-CE O MÉDICO E EX-CANDIDATO A PREFEITO POR ARARIPINA DR. CÁCIO CASTRO

Faleceu na manhã desta terça-feira dia 05 de maio na cidade de Juazeiro do Norte-CE, o médico anestesista  araripinense Dr. Cácio Castro. De acordo com as primeiras informações, Dr. Cácio, tinha passado recentemente por um procedimento cirúrgico para retirada de um suposto tumor, e hoje teve morte súbita.

Dr. Cácio Castro sempre foi envolvido na política regional e participou das eleições de 2012 como candidato a prefeito de Araripina. No ano passado, ventilou lançar seu nome para disputar uma vaga na Câmara dos Deputados, mas desistiu em seguida.

Dr. Cacio, teve atuação intensa no Sindicato dos Médicos, por cerca de 5 anos. Até o ano de 2016, foi um dos que mais lutou para o aumento do numero de cirurgiões e traumatologistas, nos plantões do hospital regional Fernando Bezerra eu Ouricuri, melhoria essa, para toda a população da região.

Cacio de Alencar Castro, tinha 55 anos, era médico formado pela UFPE, há 27 anos. Ele era sobrinho de Seu Berto da Loja A Cearence, que faleceu recentemente. O médico deixa a esposa, Ediane M. Alencar Castro, e quatro filhos.

Da readação do BLOG do Emanoel Cordeiro – Radar de Notícia/Roberto Gonçalves

PREFEITURA DE SANTA FILOMENA ESCLARECE MORTE DE PACIENTE EM HOSPITAL DE SANTA CRUZ

A Prefeitura de Santa Filomena-PE divulgou uma nota de esclarecimento a respeito do episódio envolvendo uma paciente do município, que morreu no Hospital Municipal João Rodrigues de Souza (Santa Cruz), quando era transferida do Hospital Gilza de Macedo Coelho Melo (Santa Filomena) para o Hospital Regional Fernando Bezerra (Ouricuri). Veja no link Hospital de Santa Cruz divulga nota sobre morte de paciente de Santa Filomena.

A direção do Hospital Gilza Melo garante que a morte não se deu por causa da doença Covid-19; que os profissionais estão protegidos, embora não tenham sido afastados das funções da Unidade de Saúde Pública, confira a nota acima:

Da redação do BLOG do Emanoel Cordeiro – Radar de Notícias/Charles Araújo

VACINA CONTRA O CORONAVÍRUS SERÁ TESTADA NO REINO UNIDO NESTA SEMANA

Em mais um dia em o mundo soma seus mortos em meio à pandemia de COVID-19, vem da Europa uma notícia animadora e que traz suspiros de esperanças para todos.

O secretário de saúde do Reino Unido, Matt Hancock, anunciou, nesta terça-feira, dia 21 de abril que uma vacina contra o novo coronavírus, desenvolvida na Universidade de Oxford, será testada em pessoas a partir da próxima quinta-feira, dia 23. Hancock disse que o governo investiu 20 milhões de libras para ajudar a financiar os estudos clínicos da pesquisa.

Um pesquisador, integrante da equipe de Oxford, disse que, se os testes forem bem-sucedidos, milhões de doses da vacina poderão estar disponíveis a partir de setembro.

Nas últimas 24 horas, o Reino Unido contabilizou 823 mortes devido ao novo coronavírus. Ao todo, já são mais de 17 mil óbitos no território britânico.

Da redação do BLOG do Emanoel Cordeiro – Radar de Notícias/Sobral Portal de Notícias

MÉDICO DE PETROLINA COMEMORA RECUPERAÇÃO DE PACIENTE DO CORONAVÍRUS DANÇANDO COM ELA NO HOSPITAL

Um vídeo publicado na internet pelo médico Pedro Carvalho Diniz trouxe esperança e quebrou o clima de tensão em relação a covid-19 em Petrolina, cidade do Sertão do São Francisco em Pernambuco.

Nas imagens que aparecem no perfil do Doutor Pedro no twitter, ele aparece dançando, ao som da música Asa Branca, de Luiz Gonzaga e palmas de outros profissionais do hospital, com uma paciente que se recuperou da covid-19, depois de ser entubada na UTI do Hospital Universitário de Petrolina (PE).

Da redação do BLOG do Emanoel Cordeiro – Radar de Notícias/Waldiney Passos

SOBRE PARA 13 OS CASOS CONFIRMADOS DE CORONAVÍRUS EM PETROLINA COM MAIS 5 CASOS

A Prefeitura de Petrolina anunciou nesta sexta-feira dia 17) de abril, mais cinco casos positivos da Covid-19 no município. De acordo com os dados divulgados pela Secretaria de Saúde, os pacientes foram detectados através de testes rápidos.

Com os novos resultados, Petrolina contabiliza 13 casos confirmados do novo coronavírus, sendo que quatro pacientes são considerados recuperados. Ao todo, 30 casos estão em investigação, sendo 15 no Laboratório Estadual da Saúde (Lacen) e 15 aguardando a testagem rápida. Já os casos descartados são 46. Nenhuma morte foi registrada.

Já para Síndrome Respiratória Aguda Grave (SRAG), quatro casos estão sendo investigados e 28 foram descartados. Petrolina contabiliza nove casos confirmados, com um óbito.

Dicas de prevenção contra o coronavírus — Foto: Arte/G1Da redação do BLOG do Emanoel Cordeiro – Radar de Notícias/G1 Petrolina

OURICURI REGISTRA DOIS CASOS SUSPEITOS DO NOVO CORONAVIRUS

O município de Ouricuri-PE, no Sertão do Araripe, contabiliza 2 casos suspeitos do novo coronavirus (Covid-19). A informação consta no boletim da prefeitura, divulgado na tarde dessa quinta-feira dia 16 de abril.

Segundo a prefeitura, já foram descartados 3 casos do novo coronavirus em Ouricuri. O resultado dos casos suspeitos será divulgado brevemente pelo Laboratório Central de Saúde Pública de Pernambuco (LACEN-PE).

A prefeitura reforçou o isolamento domiciliar das pessoas, “precisamos que o máximo possível de pessoas permaneçam em suas casas, limitem suas saídas a ir ao supermercado, a farmácia, itens de primeira necessidade”, solicitou

Da redação do BLOG do Emanoel Cordeiro – Radar de Notícias

PROFISSIONAL DA SAÚDE É O PRIMEIRO CASO SUSPEITO DO NOVO CORONAVÍRUS EM BODOCO

A prefeitura de Bodocó (PE) anunciou na tarde desta quinta-feira (16), que o município registrou o primeiro caso suspeito do novo coronavírus. A pessoa com os sintomas é uma profissional da área de saúde, que reside em Bodocó, mas trabalha no Hospital Regional Fernando Bezerra, em Ouricuri.

A paciente foi notificada e registrada pelo Hospital Regional e está aguardando resultado da testagem. Ela encontra-se em sua casa, cumprindo isolamento social. A prefeitura informou ainda que dará maiores detalhes após o resultado do teste.

Da redação do BLOG do Emanoel Cordeiro – Radar de Notícias/Roberto Gonçalves

COM MAIS 199 CONFIRMAÇÕES DE COVID-19, PERNAMBUCO CHEGA A 1.683 CASOS E 160 MORTES

Nesta quinta-feira dia 16 de abril, Pernambuco confirmou 199 novos casos da Covid-19, doença provocada pelo novo coronavírus. Com isso, o estado passa a ter 1.683 pacientes.

O estado também confirmou 17 óbitos, elevando o número de mortos com a doença para 160. Até a última atualização desta reportagem, a faixa etária das pessoas que faleceram não havia sido divulgada.

O estado também não informou o número de pessoas que apresentam quadro clínico de cura. Os detalhes do boletim epidemiológico devem ser enviados até o fim da tarde, pela Secretaria Estadual de Saúde (SES).

De acordo com o secretário de Saúde de Pernambuco, André Longo, há, ao todo, 1.095 pacientes em isolamento domiciliar e 342 internados, sendo 65 em Unidades de Terapia Intensiva e 277 em leitos de enfermaria. Das 17 mortes, oito são homens e nove, mulheres, entre 29 e 90 anos.

“Estamos nos esforçando ao limite para dotar a rede pública de estrutura compatível com a epidemia. Nenhum sistema do mundo está preparado para uma crise como esta. Nesta quinta-feira, nós vamos terminar o dia com ao menos 60 novos leitos, sendo 40 de Unidade de Terapia Intensiva (UTI)”, afirmou André Longo.

Os óbitos ocorreram entre 12 e 15 de abril. Onze pessoas tinham doenças pré-existentes, duas não tinham relatos de comorbidades e quatro ainda estão sob investigação dos municípios. As faixas etárias dos novos óbitos são as seguintes: 20 a 29 (1), 30 a 39 (1), 40 a 49 (3), 50 a 59 (1), 60 a 69 (4), 70 a 79 (5) e com 80 anos ou mais (2).

As novas mortes foram registradas no Recife (8), Moreno (1), Vitória de Santo Antão (1), Jaboatão dos Guararapes (1), Aliança (1), Olinda (1), São Lourenço da Mata (1), Arcoverde (1), Amaraji (1) e Cabo de Santo Agostinho (1).

Os pacientes que apresentavam comorbidades tinham doenças como hipertensão (6), cardiopatia (3), diabetes (6), obesidade (2), insuficiência renal (2), doença de Chagas crônica (1) e histórico de acidente vascular cerebral (1). Um paciente pode ter mais de uma comorbidade.

Da redação do BLOG do Emanoel Cordeiro – Radar de Notícias/G1 PE

BRASIL DESCOBRE REMÉDIO COM 94% DE EFICÁCIA NO COMBATE À COVID-19

Cientistas brasileiros vão testar, em 500 pacientes, um medicamento, quase sem efeitos colaterais, com eficácia de 94% em células infectadas pelo novo coronavírus, com resultado, no máximo, em um mês. A informação foi divulgada, nesta quarta-feira (15/4), pelo ministro de Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações, Marcos Pontes. Especialistas, no entanto, desconfiam do que chamam de “estelionato emocional”.

Segundo o ministro, país também desenvolve equipamento de inteligência artificial para testar pessoas com suspeita de Covid-19. A resposta é em um minuto e o teste utiliza reagentes nacionais. “Vacinas demoram mais do que o reposicionamento de drogas, mas estamos trabalhando com vacina dupla, tanto para Influenza quanto para a Covid”, disse. “Só a ciência pode combater o vírus”, ressaltou Pontes.

O ministro não divulgou o nome do remédio para “não haver corrida” às compras. Isso porque é um fármaco conhecido, amplamente disponível no mercado, de acordo Marcelo Morales, secretário de Políticas para Formação e Ações Estratégicas do Ministério de Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações (MCTIC). “Teremos nas nossas mãos, desenvolvido no Brasil, no máximo, na metade de maio, a solução de um tratamento, com remédio disponível inclusive em formulação pediátrica”, afirmou Pontes.

O remédio será testado em 500 pacientes em sete hospitais, cinco no Rio de Janeiro, um em São Paulo e outro em Brasília. A administração do medicamento será diária, durante cinco dias, com mais nove dias de observação. “Em 14 dias, poderemos ver se os efeitos em pacientes serão os mesmos já comprovados em células infectadas”, destacou o ministro. O ensaio clínico será feito com pacientes que estão internados para o acompanhamento dos sintomas e da carga viral.

Segundo o MCTIC, o protocolo será uma administração randomizada, ou seja, nem médicos nem pacientes saberão quem está tomando a medicação e quem está recebendo placebos. “Quero agradecer a comissão de ética do Ministério da Saúde, que fez a aprovação do protocolo dos testes clínicos. Nas próximas semanas, teremos os resultados”, disse Pontes.

Repercussão

Para o médico infectologista Julival Ribeiro, é muito estranho que o ministério diga que tem uma alternativa com 94% de eficácia e não divulgue o nome da molécula ou do medicamento. “Todo mundo está estudando a cloroquina ou ivermectina (um vermífugo e antiparasitário). Mas são necessários estudos clínicos. Há uma sequência que tem de ser respeitada. O mais esquisito é não dizer qual é a molécula”, destacou.

A explicação do ministro, de não divulgar o nome para evitar correria às farmácias, não se justifica, segundo o especialista. “A Anvisa poderia fazer o que fez com a cloroquina e permitir a venda apenas com receita especial. Não dá para dizer que tem eficácia de 94% sem ensaio clínico”, afirmou. Ele também não acredita na possibilidade de uma vacina dupla, para Influenza e Covid-19. “Vacina para gripe é uma coisa, para Covid-19 é outra, completamente diferente”, disse.

No entender do professor José David Urbaez, diretor científico da SBI do Distrito Federal, o anúncio do MCTIC é uma irresponsabilidade. “É uma construção diabólica para justificar uma medida que vai matar muita gente, que é afrouxar o isolamento. No Brasil, se o vírus se propagar teremos colapsos sanitário e funerário. Não vai ter como voltar atrás”, alertou.

O especialista lamentou que o governo esteja promovendo o que chamou de estelionato emocional. “É um momento de vulnerabilidade coletiva gigantesca. E o governo promove fake news ao anunciar uma droga milagrosa. Na ciência, há um rigor. A Jama (Journal of America Medical Association) revisou todos os remédios e ensaios clínicos que estão em andamento e, ao final dessa pesquisa, não se tinha evidência nenhuma para fazer recomendações de tratamento”, destacou.

Para Urbaez, o medicamento sem nome pode ser a ivermectina. “Mas é preciso desenvolver um protocolo, com termo informado o consentimento de participação, tempo de acompanhamento, depois análise e publicação numa revista científica, que tenha valor como ciência. O processo é longo, como ocorre no resto do mundo”, ressaltou. Sobre as vacinas, o professor também achou precipitado o anúncio do MCTIC. “A pesquisa da vacina para dengue tem 40 anos e a que foi lançada foi um desastre. Não é assim para achar uma vacina”, disse.

Da redação do BLOG do Emanoel Cordeiro – Radar de Notícias/Correio brazileinse

PERNAMBUCO TEM AUMENTO RECORDE EM 24 HORAS E CHEGA A 143 MORTES E 1.484 PESSOAS COM O NOVO CORONAVÍRUS

Pernambuco contabilizou mais 200 novas confirmações de pacientes com a Covid-19 no estado, nesta quarta-feira (15). Com isso, o número subiu para 1.484 pessoas infectadas pelo novo coronavírus. O estado confirmou, também, 28 mortes de pessoas que tinham a doença, subindo para 143 mortes pela Covid-19.

Nesta quarta (15), o aumento diário no número de casos foi o maior registrado desde o início da divulgação dos números do novo coronavírus. O número diário de mortes também é o maior desde que o estado passou a emitir boletins. As mortes confirmadas foram de 17 homens e 11 mulheres, com idades entre 18 e 94 anos. As mortes ocorreram entre os dias 8 e 14 de abril.

De acordo com a Secretaria Estadual de Saúde (SES), também foram contabilizadas 68 pessoas já recuperadas da doença. Segundo o secretário estadual de Saúde, André Longo, há, atualmente, 942 em isolamento domiciliar e 331 internadas, sendo 68 em Unidades de Terapia Intensiva e 263 em enfermarias.

“Pernambuco encontra-se em franca aceleração epidêmica. Essa curva epidemiológica poderia ser mais íngreme, se não tivéssemos adotado as medidas de restrição e isolamento social. Teríamos um número muito mais expressivo de óbitos e casos. Temos um índice de isolamento moderado, na faixa dos 50%, mas o ideal seria acima de 70%. Quanto maior for a taxa de distanciamento social, menor será a curva, que está em aceleração, em uma velocidade preocupante”, disse.

Da redação do BLOG do Emanoel Cordeiro – Radar de Notícias/G1 PE

IPUBI TEM MAIS SEIS CASOS CONFIRMADOS DO NOVO CORONAVÍRUS

A secretaria de Saúde do município de Ipubi, no Sertão de Pernambuco, divulgou nesta quarta-feira dia 15 de abril a confirmação de mais seis casos positivos para o novo coronavírus. Agora, o município tem oito casos confirmados, com uma cura clínica.

Outros seis casos de Covid-19 continuam sendo investigados em Ipubi. As autoridades de saúde do município pedem que os moradores fiquem em casa.

A confirmação foi feita em uma entrevista a rádio Liberal FM concedida no final da manha dessa quarta-feira pela secretaria de saúde e a prefeitura.

Nesta quarta-feira, dia 15 de abril, Pernambuco contabilizou mais 200 novas confirmações de pacientes com a Covid-19 . Com isso, o número subiu para 1.484 pessoas infectadas pelo novo coronavírus. O estado confirmou, também, 28 mortes de pessoas que tinham a doença, subindo para 143 mortes pela Covid-19.

Da redação do BLOG do Emanoel Cordeiro – Radar de Notícias/G1 Petrolina

ARCEBISPO EMÉRITO DA PARAÍBA MORRE AOS 70 ANOS NO CEARÁ

O arcebispo emérito da Paraíba Dom Aldo di Cillo Pagotto morreu na tarde desta terça-feira dia 14 de abril, em Fortaleza, Ceará. Dom Aldo estava internado na Unidade de Terapia Intensiva de um hospital particular da cidade após o agravamento de uma crise de insuficiência respiratória. A informação foi confirmada pelas Arquidioceses da Paraíba e do Ceará.

De acordo com a Arquidiocese da Paraíba, o religioso apresentava sintomas semelhantes ao da Covid-19, doença causada pelo novo coronavírus, mas não há confirmação da infecção.

G1 tentou contato com a Secretaria de Estado de Saúde do Ceará para saber se o caso foi notificado, mas não conseguiu contato.

Em nota, a Unimed Fortaleza informou que Dom Aldo foi internado devido a um quadro de pneumonia no hospital no dia 1° de abril e morreu nesta terça-feira dia 14, às 14 horas, em decorrência de infecção respiratória.

Segundo a Arquidiocese de Fortaleza, Dom Aldo enfrentava um tratamento contra um câncer e na noite de segunda-feira dia 13 apresentou dificuldade respiratória, sendo entubado e transferido para a UTI.

Dom Aldo morreu aos 70 anos, em Fortaleza, onde viveu desde que renunciou o cargo de arcebispo e exercia o ministério no Santuário São Benedito, no centro da capital cearense.

Dom Aldo era natural de Santa Bárbara d’Oeste, interior de São Paulo. Foi ordenado presbítero em 1977 e bispo em 1997, no Ceará. Esteve na Diocese de Sobral até 2004, quando veio para a Paraíba. Ele esteve à frente da Igreja Católica na região de João Pessoa por 12 anos, e deixou o cargo em 2016 alegando motivos de saúde.

Da redação do BLOG do Emanoel Cordeiro – Radar de Notícias/G1 PB