REGIÃO DO ARARIPE REGISTRA O PRIMEIRO CASO DE CORONAVÍRUS EM IPUBI

O município de Ipubi, no Sertão do Araripe, acaba de ser notificado nesta segunda-feira, dia 30 de abril sobre o primeiro caso de Coronavírus no município.As informações e o estado de saúde do paciente não foram divulgadas até o momento.

A informação foi confirmada pela Prefeitura na manhã do último domingo, dia 22 de março e de acordo com o governo municipal, trata-se de um paciente com que apresentou inicialmente s sintomas de gripe e esteve em um local de transmissão do covid-19.

Além do primeiro caso positivado, desse homem que chegou a cerca de 1 mês e meio da capital pernambucana, outro caso de uma mulher também segue sendo investigado pelo hospital Osvaldo Cruz no Recife e o resultado será divulgado nos próximos dias 8 a 10 dias, segundo a secretaria de saúde do município. Outra suspeita foi descartada.

O homem está estável e segue em estado instável em um hospital no Recife.

O prefeito Chico Siqueira, junto com a secretária de saúde e um médico infectologista, confirmou o caso durante uma entrevista de rádio no final da tarde dessa segunda-feira.

Da redação do BLOG do Emanoel Cordeiro – Radar de Notícias

CRIANÇA DE 1 ANO MORRE COM SINTOMAS DO CORONAVÍRUS EM OURICURI; HOSPITAL NÃO CONFIRMA A CAUSA MORTE E EMITE NOTA

Viralizou nas redes sociais no final de semana a morte de uma criança de 1 ano e 5 meses que estava internada no H.R.F.B – Hospital regional Fernando Bezerra de Ouricuri.

Segundo circulou nas redes sociais a criança apresentava os sintomas do Covid-19 e não teria resistido.

De acordo com a direção da unidade hospitalar, a menina deu entrada na tarde do sábado dia 28 com cansaço respiratório e fragilizada. Ela veio a óbito na manhã do domingo, dia 29 com sintomas da Síndrome Respiratória Aguda Grave (SRAG).

Segundo a direção, o teste para Covid-19 foi realizado e encaminhado para análise no Laboratório Central de Saúde Pública de Pernambuco (Lacen-PE). A previsão é que o resultado seja divulgado até sexta-feira dia 03 de abril. A família do bebê reside em Trindade, no Sertão pernambucano.

Em Ouricuri até o momento não há casos suspeito do coronavírus, uma equipe de enfrentamento contra o coronavírus foi montada e estão sendo realizadas ações diárias de fiscalização em bancas de peixes, verdurões, frigoríficos e outros comércios.

Neste domingo, 29 de março, o H.R.F.B emitiu uma nota também nas redes sociais confirmando a morte da criança, porém não confirmou que a mesma teria sido vítima do Covid-19, confira a nota:

É com pesar que noticiamos o falecimento de ÁGATHA SOPHIA BEZERRA TAVARES, de apenas 1 ano e 05 meses.

ÁGATHA estava internada no Hospital Regional de Ouricuri-PE, que, por sua vez, lutou com todos os recursos possíveis na tentativa de reestabelecer a saúde e a vida da criança, lamentavelmente, não logrando êxito.

Ressaltamos que, apesar da notificação de caso suspeito de infecção pelo Coronavírus, trata-se, como dito, apenas de uma suspeita, pois a criança tinha histórico de problemas respiratórios.

O momento não é de pânico ou de alardes. Mas sim, de reforçarmos o isolamento social e os demais cuidados contra o COVID-19.

Em tempo, nos solidarizamos com a família e com os amigos da família de Ágatha Sophia rogando a Deus que lhes dê o consolo necessário para suportar tamanha perca e que, ele, nosso Pai Maior, receba esse ser de luz e o coloque em um bom e merecido lugar”.

Continuaremos acompanhando o caso e aguardando o resultados dos exames para a definição da causa morte da criança e disponibilizamos o espaço para pronunciamento dos familiares da criança, assim como da direção do Hospital Regional Fernando Bezerra para os devidos esclarecimentos sobre o fato.

Da redação do BLOG do Emanoel Cordeiro – Radar de Notícias 

PERNAMBUCO REGISTRA 73 CASOS CONFIRMADOS DO NOVO CORONAVÍRUS

Neste sábado dia 28 de março, aumentou para cinco o número de mortes de pacientes com o novo coronavírus em Pernambuco. O quinto óbito foi de uma mulher de 69 anos. Ela tinha leucemia e estava em um hospital privado no Recife, onde morreu na sexta-feira (27). O número de casos confirmados da infecção Covid-19 no estado subiu para 68, 11 a mais que o registrado no boletim anterior.

Esse quinto óbito corresponde à primeira mulher que morreu em Pernambuco com o novo coronavírus. Ela “procurou um serviço privado na quarta dia 25 de março e foi transferida para outro na quinta dia 26, onde permaneceu em UTI [Unidade de Terapia Intensiva]”, disse a Secretaria Estadual de Saúde em nota.

A faixa etária dos pacientes com a Covid-19 que morreram no estado fica entre 60 e 69 anos (duas mortes), acima de 80 (dois casos), entre 70 e 79 anos (um caso). As mortes anteriores registradas no estado foram de quatro homens idosos:

Entre os 11 casos a mais de confirmação do novo coronavírus no estado, conforme o boletim divulgado neste sábado (28), estão cinco homens e seis mulheres, na faixa etária dos 30 aos 89 anos.

Os 68 casos confirmados da Covid-19 no estado estão distribuídos em nove municípios pernambucanos:

Recife (46 casos), Jaboatão dos Guararapes (5), Olinda (4), Petrolina (2), Camaragibe, São Lourenço da Mata, Belo Jardim, Caruaru e Goiana — todos eles com uma confirmação cada. Fernando de Noronha também tem um caso confirmado da doença. Os cinco casos restantes são de outros países (3) e estados (2).

Cura clínica

Pernambuco conta com nove casos de cura clínica da Covid-19, dois a mais que o boletim divulgado na sexta-feira (27). Uma das nove pacientes curadas do novo coronavírus é a advogada Renata Berenguer, de 30 anos. Ela lembrou que a recomendação de isolamento social precisa ser seguida à risca.

CUIDADOS PREVENTIVOS:Da redação do BLOG do Emanoel Cordeiro – Radar de Notícias/G1 Petrolina

NÚMEROS DO CORONAVÍRUS NO BRASIL NESTE SÁBADO 28 DE MARÇO, UM PREFEITO DO PIAUÍ É A PRIMEIRA VÍTIMA NO ESTADO

Comércio de rua de Salvador está proibido de abrir por causa do novo coronavírus.  — Foto: Naiá Braga / TV BahiaAs secretarias estaduais de Saúde divulgaram, até 13 horas deste sábado, dia 28 de março, 3.546 casos confirmados do novo coronavírus (Sars-Cov-2) no Brasil com 94 mortos, 68 deles em São Paulo, de acordo com a secretaria de Saúde do estado.

Piauí registrou a primeira morte provocada pela doença e mais dois casos. A vítima foi o prefeito da cidade de São José do Divino, Antônio Nonato Lima Gomes, de 57 anos. Minas Gerais passou dos 200 casos confirmados, enquanto Amapá Pará tiveram mais um caso cada nas últimas 24 horas.

No Distrito Federal, deu negativo para coronavírus um exame para um paciente tido como a primeira morte no estado por Covid-19, divulgado na última sexta-feira. De acordo com a Secretaria de Saúde, “o desencontro de informações se deu em virtude da indicação de suspeita da doença no atestado de óbito que, em si só, não confirma a causa morte”.

Novos casos também foram registrados no Rio Grande do Norte, que agora tem 45 confirmações da doença, e em Santa Catarina, que já soma 184 casos.

Ministério da Saúde atualizou seus números na tarde desta sexta-feira, informando que o Brasil registra 3.417 casos confirmados do novo coronavírus e que já foram registradas 93 mortes.

O avanço da doença está acelerado: foram 25 dias desde o primeiro contágio confirmado até os primeiros 1.000 casos (de 26 de fevereiro a 21 de março). No entanto, os outros 2.000 casos foram confirmados em apenas seis dias (de 21 a 27 de março).

Da redação do BLOG do Emanoel Cordeiro – Radar de Notícias

PERNAMBUCO JÁ CONTABILIZA 4 MORTOS, 57 CASOS CONFIRMADOS DO COVID-19 E 7 CURAS

Pernambuco chegou a quatro mortes causadas pelo novo coronavírus, segundo o balanço diário divulgado pelo governo do Estado. Além das quatro mortes, nas últimas 24 horas, a Secretaria Estadual de Saúde (SES) confirmou mais nove casos do novo coronavírus, totalizando 57 casos confirmados do novo coronavírus, distribuídos por seis municípios, além do primeiro no arquipélago de Fernando de Noronha. Ao todo, 13 pacientes estão hospitalizados, sendo seis com suporte Intensivo (UTI/CTI) e outros 33 em isolamento domiciliar.

Por outro lado, Pernambuco também registrou mais uma cura, chegando a sete pacientes recuperadas da doença – todas do sexo feminino.

O quarto óbito é de um homem de 82 anos, morador do bairro do Vasco da Gama, na Zona Norte do Recife. O idoso faleceu na última quarta-feira (25), depois de dar entrada no Hospital dos Servidores do Estado, no bairro do Espinheiro, Zona Norte da cidade, na terça-feira (24). Ele não apresentava histórico de viagem ou contato com caso suspeito ou confirmado.

Brasil

As secretarias estaduais de Saúde divulgaram, até 20h30 de sexta-feira (27), 3.475 casos confirmados do novo coronavírus (Sars-Cov-2)no Brasil com 93 mortos, 68 deles em São Paulo, de acordo com a secretaria de Saúde do estado.

O avanço da doença está acelerado:foram 25 dias desde o primeiro contágio confirmado até os primeiros 1.000 casos (de 26 de fevereiro a 21 de março). No entanto, os outros 2.000 casos foram confirmados em apenas seis dias ( de 21 a 27 de março).

Da redação do BLOG do Emanoel Cordeiro – Radar de Notícias/

MINISTÉRIO DA SAÚDE LIBERA CLOROQUINA PARA PACIENTES COM CORONAVÍRUS EM ESTADO GRAVE

De acordo com a nota oficial, o Ministério da Saúde ressalta que, apesar dos testes promissores, ainda não há evidências científicas suficientes sobre a eficácia dessas substâncias no combate ao coronavírus.

Licença para Pesquisa:

“A licença permite ao Hospital Albert Einstein avançar nas pesquisas em busca da cura da doença, com segurança e rapidez”, disse a agência.

A medida foi anunciada por Jair Bolsonaro nas redes sociais. “Temos informações precisas de que a cloroquina tem sido usada pelo Brasil com uma grande taxa de sucesso. O remédio existe, apenas se aguardavam as formalidades para seu uso legal”, afirmou o presidente parabenizando a Anvisa pela “presteza na liberação do registro”.

Da redação do BLOG do Emanoel Cordeiro – Radar de Notícias/Portal de Prefeitura

 

PRIMEIRO ESTUDO COM HIDROXICLOROQUINA NO PAÍS TERÁ RESULTADO EM DOIS MESES

Crédito: Centers for Disease Control and Prevention/AFP

O primeiro estudo clínico do País a testar o uso da hidroxicloroquina para tratamento de infecção pelo coronavírus terá seus resultados divulgados em dois ou três meses e envolverá 1,3 mil pacientes e 70 hospitais.

A iniciativa, batizada de Coalizão Covid Brasil, será coordenada pelos Hospitais do Coração (HCor), Albert Einstein e Sírio-Libanês em parceria com a Rede Brasileira de Pesquisa em Terapia Intensiva (BRICNet) e o Ministério da Saúde. O laboratório EMS participará das pesquisas com a doação de parte dos medicamentos que serão utilizados na investigação.

Os cientistas dividiram o projeto em três pesquisas. Nas duas primeiras, a hidroxicloroquina será testada sozinha ou em conjunto com um antibiótico. Na terceira pesquisa, o teste será feito com dexametasona, anti-inflamatório corticoide. Os três estudos serão feitos simultaneamente e avaliarão o resultado dos remédios em pacientes com diferentes níveis de gravidade.

O primeiro projeto de pesquisa será voltado para pacientes internados, mas que não precisam de altas doses de oxigênio nem ventilação mecânica. Os 630 participantes dessa fase serão divididos em três grupos: um deles receberá somente a hidroxicloroquina, o segunda receberá o mesmo remédio associado ao antibiótico azitromicina e o terceiro será o grupo controle, que não receberá nenhuma dessas medicações. “Nesse caso, vamos avaliar se a medicação acelera a melhora e previne complicações no caso de uma infecção”, explica Alexandre Biasi Cavalcanti, superintendente de pesquisa do HCor.

O segundo estudo será feito com 440 pacientes com quadros mais graves, que precisam de algum tipo de suporte respiratório. Eles serão divididos em dois grupos: o que receberá somente a hidroxicloroquina e o que será tratado com a combinação dos dois remédios testados no primeiro grupo. A ideia é saber se a hidroxicloroquina tem eficácia no tratamento da infecção e se seus efeitos podem ser potencializados com o uso conjunto com a azitromicina.

Já a terceira pesquisa terá como alvo 284 pacientes em estado crítico, que precisam de ventilação mecânica invasiva (intubação). Estes serão divididos em dois grupos: metade receberá a dexametasona e o restante não tomará a medicação, ficando apenas com as medidas padrão de suporte respiratório.

“As duas primeiras já receberam o aval da Comissão Nacional de Ética em Pesquisa (Conep) em tempo recorde. Os protocolos ficaram prontos no fim da semana passada e foram aprovados em poucos dias”, destaca Otávio Berwanger, diretor de pesquisas clínicas do Einstein. Os pesquisadores contam que ao menos 35 hospitais já foram habilitados para participar do estudo e esperam que esse número chegue a 70.

Remédios a base de cloroquina têm registro há anos no Brasil para tratamento de doenças como artrite, lúpus e malária, mas ganharam destaque nos últimos dias após testes preliminares feitos por chineses e sul-coreanos mostrarem que as drogas são efetivas em limitar a replicação do novo coronavírus in vitro e provocar melhoras em pacientes tratados com o remédio.

Os testes internacionais, porém, foram feitos com um número pequeno de participantes, o que faz com que as evidências científicas sejam pouco robustas. Mesmo assim, diante da falta de uma medicação específica para a covid-19, hospitais brasileiros já estão oferecendo o remédio de forma compassiva a pacientes em estado crítico. Esse tipo de uso ocorre quando uma droga pode ser utilizada mesmo sem estudos suficiente, contanto que em casos de pacientes graves, sem outras opções terapêuticas.

Da redação do BLOG do Emanoel Cordeiro – Radar de Notícias/IstoÉ

PERNAMBUCO REGISTRA PRIMEIRA MORTE POR CORONAVÍRUS

Resultado de imagem para coronavirus em pernambucoA Secretaria Estadual de Saúde de Pernambuco (SES-PE) confirmou, nesta quarta-feira dia 25 de março, a primeira morte pelo novo coronavírus no estado. A vítima é um idoso de 85 anos, que estava internado no Hospital Universitário Oswaldo Cruz (Huco) – referência para a Covid-19 na rede estadual.

O paciente, morador do Recife, tinha histórico de diabetes, hipertensão, além de cardiopatia isquêmica. Ele apresentou os primeiros sintomas no dia 18 deste mês e foi internado no Huoc na última sexta-feira, dia 20.

Além do primeiro óbito, nas últimas 24 horas, Pernambuco confirmou mais quatro casos da Covid-19, passando para 46 confirmações, distribuídas por seis municípios pernambucanos, além de ocorrência em pacientes de outro estado (um caso) e países (três casos).

Do total de casos confirmados, 10 estão hospitalizados, sendo sete em hospitais da rede privada e um na rede pública. Além desses, 30 pacientes cumprem isolamento domiciliar e cinco casos são considerados curados.

“O óbito só reforça o que estamos dizendo diariamente: fiquem em casa e sigam as orientações das autoridades sanitárias e especialistas, que têm tratado esta questão com a importância e responsabilidade que ela merece. Acreditem na gravidade da situação e sigam as orientações do governo do estado. Cada um de nós tem a opção de escolher ser um agente de proteção, ou de transmissão. Ficar em casa, neste momento, significa salvar vidas. O momento exige consciência e responsabilidade de todos”, afirmou o secretário estadual de Saúde, André Longo.

Da redação do BLOG do Emanoel Cordeiro – Radar de Notícias/Nossa Voz

DESCARTADO UMA SUSPEITA DE COVID-19 EM OURICURI, MAIS UM CASO EM INVESTIGAÇÃO

A determinação também suspendeu temporariamente as atividades dos mototaxistas no município. — Foto: Reprodução/Google Street ViewA Prefeitura de Ouricuri, divulgou uma nova atualização do boletim oficial dos casos de coronavírus do município. De acordo com os dados, um caso está em investigação, um foi descartado e não existe caso da Covid-19 confirmado na cidade.

Um decreto municipal foi publicado na terça-feira dia 24 de março e suspendeu eventos públicos e particulares e outras atividades coletivas com aglomeração superior a dez pessoas na zona urbana ou rural da cidade. Também fica proibido os banhos em açudes ou barragens.

A determinação também suspendeu temporariamente as atividades dos moto-taxistas no município para prevenir a disseminação do coronavírus entre os passageiros.

Da redação do BLOG do Emanoel Cordeiro – Radar de Notícias/G1 Petrolina

DESCARTADO A SUSPEITA DE CORONAVÍRUS EM ARARIPINA

A prefeitura de Araripina, no Sertão de Pernambuco, divulgou nesta quarta-feira, dia 25 de março que o único caso suspeito do novo coronavírus foi descartado. Segundo o prefeito, Raimundo Pimentel, as medidas tomadas no município são as orientadas pela Organização Mundial de Saúde (OMS) e pelo governo de Pernambuco.

De acordo com o prefeito, a testagem dos casos suspeitos é realizada pelo Laboratório Central de Saúde (Lacen-PE), em Recife. Ele disse que a cidade está sofrendo com o desabastecimento de insumos, como máscaras e álcool em gel. “A gente tem procurado fornecedores de todas as formas, tentamos inclusive importar esses insumos, mas como é sabido a demanda é muito grande. Naturalmente, as transportadoras estão priorizando os grandes centros, onde tem uma demanda maior, e a gente acaba sendo prejudicado por isso, mas a gente está fazendo um grande esforço para garantir a segurança, em especial, dos profissionais de saúde”.

Da redação do BLOG do Emanoel Cordeiro – Radar de Notícias/G1 Petrolina

HEMOPE DE OURICURI APELA POR SANGUE E DIZ QUE PODE ENTRAR EM COLAPSO E PESSOAS PODEM MORRER

O Hemocentro Regional Ouricuri, convoca a população saudável, que não apresente qualquer sintoma de infecção,gripe, (coriza, dor na garganta, febre, diarréia) para comparecer e fazer sua doação de sangue, pois o nosso estoque de sangue está em estado crítico e devido as orientações do Ministério da Saúde, bem como das autoridades públicas, as pessoas estão no isolamento social e não estão vindo doar sangue.

O Hemope reafirma que estamos juntos nesse enfrentamento do coronavírus, mas esclarece que também não podemos entrar em outro caos, que é a falta de sangue no nosso estoque para as situações de urgência e emergência do Hospital Reginal Fernando Bezerra de Ouricuri. Fazemos o apelo principalmente aqueles que moram na zona urbana, no qual estão mais próximos e tem mais acesso, que: Não saia de casa, saia apenas para doar sangue se estiver saudável.

Os dias de doação: Segundas, terças, quintas e sextas-feiras, de 7 às 9 horas. O doador deve comparecer alimentando, bem de saúde, dormir bem na noite anterior, evitar bebida alcoólica no dia anterior, evitar fumar no mínimo 2h antes da doação, ter acima de 50 kg.

Da redação do BLOG do Emanoel Cordeiro – Radar de Notícias

BOLSONARO PEDE NA TV ‘VOLTA À NORMALIDADE’ E FIM DO ‘CONFINAMENTO EM MASSA’ E DIZ QUE MEIOS DE COMUNICAÇÃO ESPALHARAM ‘PAVOR’

Contrariando tudo o que especialistas e autoridades sanitárias do país e do mundo inteiro vêm pregando como forma de evitar que o novo coronavírus se espalhe, o presidente Jair Bolsonaro criticou, em pronunciamento na noite desta terça-feira, dia 24 de março em rede nacional de televisão, o pedido para que todos aqueles que possam fiquem em casa.

Bolsonaro culpou os meios de comunicação por espalharem, segundo ele, uma sensação de “pavor”. E disse que, se contrair o vírus, não pegará mais do que uma “gripezinha”.

Consultado, o Ministério da Saúde informou que não vai se posicionar sobre o pronunciamento do presidente.

Segundo o presidente, “raros são os casos fatais de pessoas sãs com menos de 40 anos de idade. 90% de nós não teremos qualquer manifestação caso se contamine. Devemos sim é ter extrema preocupação em não transmitir o vírus para os outros, em especial aos nosso queridos pais e avós, respeitando as orientações do Ministério da Saúde”.

No pronunciamento, Bolsonaro disse que os meios de comunicação espalharam “pavor” e provocaram “histeria” no país.

De acordo com o presidente, “percebe-se que, de ontem para hoje, parte da imprensa mudou seu editorial, pedem calma e tranquilidade. Isso é muito bom. Parabéns, imprensa brasileira. É essencial que o bom senso e o equilíbrio prevaleçam entre nós”.

Leia abaixo na íntegra do pronunciamento do presidente Jair Bolsonaro:

Boa noite.

Desde quando resgatamos nosso irmãos em Wuhan na China numa operação coordenada pelos ministérios da Defesa e Relações Exteriores surgiu para nós o sinal amarelo. Começamos a nos preparar para enfrentar o coronavírus, pois sabíamos que mais cedo ou mais tarde ele chegaria ao Brasil.

E, desde então, o doutor Henrique Mandetta vem desempenhando um excelente trabalho de esclarecimento e preparação do SUS para o atendimento de possíveis vítimas.

Mas o que tínhamos que conter naquele momento era o pânico, a histeria e, ao mesmo tempo, traçar a estratégia para salvar vidas e evitar o desemprego em massa. Assim fizemos, contra tudo e contra todos.

Grande parte dos meios de comunicação foram na contramão. Espalharam exatamente a sensação de pavor, tendo como carro-chefe o anúncio do grande número de vítimas na Itália, um país com grande número de idosos e com o clima totalmente diferente do nosso. O cenário perfeito, potencializado pela mídia, para que uma verdadeira histeria se espalhasse pelo nosso país.

Percebe-se que, de ontem para hoje, parte da imprensa mudou seu editorial, pedem calma e tranquilidade. Isso é muito bom. Parabéns, imprensa brasileira. É essencial que o bom senso e o equilíbrio prevaleçam entre nós.

O vírus chegou, está sendo enfrentado por nós e brevemente passará. Nossa vida tem que continuar. Os empregos devem ser mantidos. O sustento das famílias deve ser preservado. Devemos, sim, voltar à normalidade.

Algumas poucas autoridades estaduais e municipais devem abandonar o conceito de terra arrasada, a proibição de transportes, o fechamento de comércios e o confinamento em massa.

O que se passa no mundo tem mostrado que o grupo de risco é o das pessoas acima dos 60 anos. Por que fechar escolas? Raros são os casos fatais de pessoas sãs com menos de 40 anos de idade. Noventa por cento de nós não teremos qualquer manifestação caso se contamine.

Devemos sim é ter extrema preocupação em não transmitir o vírus para os outros, em especial aos nosso queridos pais e avós, respeitando as orientações do Ministério da Saúde.

No meu caso particular, pelo meu histórico de atleta, caso fosse contaminado com o vírus, não precisaria me preocupar. Nada sentiria ou seria, quando muito, acometido de uma gripezinha ou resfriadinho, como disse aquele famoso médico daquela famosa televisão.

Enquanto estou falando, o mundo busca um tratamento para a doença. O FDA americano e o hospital Albert Einstein, em São Paulo, buscam a comprovação da eficácia da cloroquina no tratamento do Covid-19. Nosso governo tem recebido notícias positivas sobre esse remédio fabricado no Brasil e largamente utilizado no combate à malária, ao lúpus e à artrite.

Acredito em Deus, que capacitará cientistas e pesquisadores do Brasil e do mundo na cura dessa doença. Aproveito para render minha homenagem a todos os profissionais de saúde: médicos, enfermeiros técnicos e colaboradores que na linha de frente nos recebem nos hospitais, nos tratam e nos confortam.

Sem pânico ou histeria, como venho falando desde o princípio, venceremos o vírus e nos orgulharemos de viver nesse novo Brasil que tem, sim, tudo para ser uma grande nação. Estamos juntos, cada vez mais unidos.

Deus abençoe nossa pátria querida.

Da redação do BLOG do Emanoel Cordeiro – Radar de Notícias/G1

PERNAMBUCO TEM MAIS DOIS PACIENTES CURADOS E NÃO REGISTRA NOVAS CONFIRMAÇÕES DE CASOS DE CORONAVÍRUS

Ao todo, segundo o secretário de Saúde, André Longo, foram feitos 108 testes para o novo coronavírus, mas, nesta terça, nenhum deles deu positivo.

“Vale salientar que, diante de uma epidemia, um dia de análise não é estatisticamente relevante, já que há mudança de cenário a cada dia e a crise tende a durar alguns meses. O isolamento social, com as medidas restritivas, devem permanecer como principal maneira de controlar a epidemia”, afirmou o secretário.

Ainda de acordo com o secretário, dos 42 casos confirmados, oito estão internados. “Temos três desses casos em Unidades de Terapia Intensiva (UTI), sendo dois no Hospital Português e um no Hospital Universitário Oswaldo Cruz [ambos no Recife]. Temos, ao todo, cinco pacientes curados”, declarou.

Clique aqui e leia a matéria na íntegra do G1 PE:

Da redação do BLOG do Emanoel Cordeiro – radar de Notícias/O Povo com a Notícia/G1PE

BOAS NOTÍCIAS SOBRE O NOVO CORONAVÍRUS

A China fechou o último hospital de coronavírus em Wuhan, o berço da epidemia. Não há novos casos suficientes para justificar um hospital.

A França estuda o uso de hidroxicloroquina, remédio usado desde 1940 para malária e artrite reumatoide. Um grupo recebeu só o medicamento; outro, a hidroxicloroquina associada a um antibiótico, azitromicina; o terceiro, tratamento convencional. A hidroxicloroquina reduziu bem a carga de vírus; associada à azitromicina, curou 70% dos doentes em seis dias. O grupo que foi tratado convencionalmente teve 12,5% de curas. O sucesso estimulou o presidente americano Donald Trump, que quer acelerar a aprovação de seu uso, mas a FDA, que cuida de medicamentos, pede mais testes clínicos. Trump já chegou a proclamar o sucesso do tratamento na TV americana.

Na Índia, bons resultados no tratamento com Lopinavir, Oseltamivir e Retonovir associados à Clorfenamina. Os indianos sugerem à Organização Mundial da Saúde o uso internacional dessa combinação de medicamentos.

A China relata o caso de uma senhora de 103 anos que se curou após um tratamento de seis dias em Wuhan.

Há pesquisas bem encaminhadas no Brasil, Estados Unidos, Alemanha e Israel. Diz a OMS que 41 grupos tentam criar vacinas contra o coronavírus.

A Apple, empresa com maior valor de mercado do mundo, reabriu suas 42 lojas na China. Hoje, há menos doentes na China do que na Itália.

A Cleveland Clinic americana criou um teste que dá resposta em horas, não em dias. O teste deve estar no Brasil em pouco tempo.

Da redação do BLOG do Emanoel Cordeiro – Radar de Notícias/Chico Cezar

PERNAMBUCO PROÍBE REUNIÕES COM MAIS DE DEZ PESSOAS E MOTOTÁXI PARA CONTER AVANÇO DO NOVO CORONAVÍRUS

O governo de Pernambuco determinou, nesta segunda dia 23 de março, que estão proibidas reuniões com mais de 10 pessoas e transporte de passageiros via mototáxi como medidas conter o avanço do novo coronavírus no estado. O anúncio foi feito pelo governador Paulo Câmara (PSB), através de um pronunciamento em vídeo divulgado na internet (veja vídeo acima).

“A melhor estratégia no combate à disseminação do vírus, neste momento, é o isolamento social. Por isso, estamos editando um novo decreto hoje [segunda, 23], com proibição de reuniões e aglomerações de mais de 10 pessoas e do transporte de passageiros via mototáxi”, afirmou.

Com 37 casos confirmados no estado da Covid-19, doença causada pelo novo coronavírus, o governador também anunciou a contratação imediata de profissionais de saúde.

“Determinei, nesta segunda-feira, a contratação de 4.729 profissionais para reforçar o nosso sistema de saúde, seja nos hospitais, Hemope ou na Universidade de Pernambuco. São 430 médico e 1.552 outros profissionais aprovados no último concurso da Secretaria Estadual de Saúde”, disse.

Segundo Paulo Câmara, na terça-feira (24), devem ser abertas as inscrições para duas seleções simplificadas para recrutar mais profissionais de saúde devem ser divulgadas.

“A primeira [seleção] é para a Secretaria de Saúde, com 160 vagas para médicos e 1.917 vagas para outros cargos. A segunda, para a Universidade de Pernambuco, com 65 vagas para médicos e 605 vagas para outros profissionais”, declarou.

As seleções incluem profissionais como enfermeiros, nutricionistas, farmacêuticos, biomédicos, fisioterapeutas, técnicos em enfermagem, entre outros. “Todo esse time vai compor o atendimento nas unidades existentes e nas que estamos abrindo para enfrentar a epidemia do novo coronavírus”, disse o governador.

De acordo com Câmara, o governo estadual também está oferecendo socorro financeiro para as cidades pernambucanas. “Estamos repassando 11 milhões de reais para ajudar as ações de saúde e assistência social de todos os municípios pernambucanos”, afirmou.

Da redação do BLOG do Emanoel Cordeiro – Radar de Noticias/G1 PE