COMUNITÁRIO CITADO EM IRREGULARIDADES NA OPERAÇÃO PIPA E DISTRIBUIÇÃO E MILHO NA ZONA RURAL E OURICURI DIZ QUE PROVOU O CONTRÁRIO E CONTINUA EM SUAS FUNÇÕES

Share this...
Share on Facebook
Facebook
11

Procurou a redação de jornalismo, a pessoa de FRANCISCO NUNES, (TANTAN), ex-presidente da associação de Agricultores da Pitombeira I em Oruicuri e atual apontador da Operação Pipa do Exército Brasileiro, que recentemente teve seu nome divulgado em uma lista como praticante de apontamento irregular na Operação e consequente desligamento.

Inconformado com o comunicado enviado à imprensa, ele com alguns companheiros de função se dirigiu ao comando do 72 BI em Petrolina e lá mediante comprovação por meio de atestado médico, conseguiu provar que não cometeu nenhuma irregularidade que viesse a ser motivo de desligamento da função, sendo absorvido, segundo ele pelo comando em Petrolina e mantido no cargo.

Ele afirmou ainda que houve uma armação contra o mesmo em sua região, durante uma suposta reunião entre associados, o que ainda segundo ele, está sendo investigado.

Ainda falando sobre investigação, TANTAN afirmou que continuará também na função de distribuição e milho do governo, programa em que esteve à frente em anos anteriores e o rendeu até denuncias na polícia, pois ele estaria fraldoso no programa, fato que ele também nega e diz que já foi comprovada sua inocência.

Da redação do BLOG do Emanoel Cordeiro